Sem orçamento aprovado, Rio das Ostras vive impasse inédito na história da cidade

Vereadores não aprovaram proposta do prefeito Marcelino Borba (PV) e oposição cobra mais investimento em Saúde

Por Maria Luisa de Melo

Câmara de Rio das Ostras ainda não aprovou o orçamento do ano que vem
Câmara de Rio das Ostras ainda não aprovou o orçamento do ano que vem -

Enquanto as Câmaras Municipais aprovaram, esta semana, o Orçamento para o próximo ano, a litorânea Rio das Ostras vive um dilema. A proposta enviada pelo prefeito Marcelino Borba (PV) foi bombardeada na Câmara, anteontem. Entre os 13 vereadores da cidade, quatro negaram a proposta, três faltaram e seis votaram a favor. Segundo a Lei Orgânica, para que a proposta fosse aprovada eram necessários pelo menos sete votos favoráveis. Agora, caso a nova proposta do Executivo não seja aprovada até dia 31, licitações podem não acontecer por falta de previsão orçamentária, e há risco de que serviços essenciais para a população fiquem comprometidos. Lembrando que a Câmara só poderá entrar em recesso após o orçamento aprovado.

 

QUESTÃO INÉDITA DESDE FUNDAÇÃO

Uma fonte da coluna conta que entre os três vereadores que faltaram à sessão que votou o Orçamento, dois estavam devidamente sentados em seus respectivos gabinetes. A fonte da coluna relembra ainda que é a primeira vez que isso acontece na história da jovem cidade, fundada em 1993. A expectativa é a de que uma nova proposta do Executivo chegue a tempo de ser aprovada pela Câmara.

SERVIDORES DIZEM TER SIDO XINGADOS POR PREFEITO

O prefeito Washington Reis afirma que houve vontade política, união e articulação para captar os recursos necessários - Divulgação/PMDC

Um áudio que seria do prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (MDB), xingando conselheiros de saúde de "bandidos" e "ineficientes", está circulando no WhatsApp. Procurada para esclarecer o assunto, a Prefeitura negou a autenticidade da gravação e acrescentou que não tem gerência sobre os assuntos pautados para as reuniões do Conselho Municipal de Saúde, grupo que organizou reunião para debater urgência de ambulatórios para pacientes bariátricos.

 

MAIS SEGURANÇA NA ORLA

Os bairros de Urca, Ipanema, Leblon, Barra da Tijuca e Recreio ganharão reforço de 242 guardas municipais a partir de hoje. Atuando pela Operação Corujão, da Seop, o grupo fará ronda a pé por toda a orla até dia 2 do mês que vem.

É CAMPANHA ANTECIPADA, SECRETÁRIO?

Filipe Michel - Divulgação/Instagram

De volta à Secretaria de Envelhecimento Saudável, Felipe Michel (PSDB) tem feito posts exaltando seu trabalho à frente da pasta. Anteontem, gravou vídeo sobre a aquisição de novos aparelhos para as academias da terceira idade. Mas os vereadores da oposição estão de olho. Michel tentará a reeleição como vereador no ano que vem e as postagens tem soado como campanha antecipada. Ele nega.

BRINQUEDOS PARA O JACAREZINHO

Amanhã, voluntários da ONG Rio de Paz vão arrecadar brinquedos para um garantir um Natal melhor às crianças moradoras das favelas de Jacarezinho e do Mandela. Os presentes não precisam ser novos, mas devem estar em bom estado.

ENTREGA EM COPACABANA

Os presentes podem ser deixados das 8h às 19h, na Praia de Copacabana, na altura da Rua Princesa Isabel, com os voluntários da ONG. As duas comunidades estão entre as mais carentes da cidade.

ALERJ DIZ QUE REDUZIU GASTOS

Nem só de escândalos de discussões acaloradas em plenário vive a Alerj. Na reta final do ano, o presidente André Ceciliano (PT) diz que reduziu em 16% os gastos com pessoal e baixou até a conta de luz em 25%.

MAIS EMPREGO NOS ESTACIONAMENTOS.

A lei que fixa que os estacionamentos pagos serão obrigados a ter, em números iguais, máquinas automáticas e funcionários que recebem o pagamento, foi sancionada ontem.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários