O prefeito Eduardo Paes resolveu arregaçar as mangas e ajudar o seu novo partido, o PSD. Quem trabalha com ele diz que o número 1 está motivado. E suas energias têm sido no sentido de ajudar o partido de Gilberto Kassab a eleger entre seis e dez nomes do Rio de Janeiro para a Câmara. Hoje, a sigla tem apenas três deputados fluminenses: Hugo Leal, Pedro Augusto e Flordelis, suspensa da legenda durante seu processo de cassação.