Por ADRIANA CRUZ

A 1ª Turma Especializada, do Tribunal Regional Federal 2 julga amanhã o pedido de Habeas Corpus de Rogério Onofre, ex-presidente do Detro, acusado de receber mensalmente R$ 1 milhão em propina. Preso na Operação Ponto final, ele quer responder em liberdade.

 

Você pode gostar
Comentários