Juros ainda mais baixos na casa própria

Itaú lança linha com taxa fixa de 3,99% ao ano

Por Cristiane Campos

Abrainc enaltece a nova linha de financiamento do Itaú Unibanco e espera que os outros bancos possam oferecer também
Abrainc enaltece a nova linha de financiamento do Itaú Unibanco e espera que os outros bancos possam oferecer também -
O Itaú Unibanco acaba de lançar uma linha de financiamento para casa própria com taxa fixa de 3,99% ao ano mais a variação da poupança. A nova modalidade foi sugerida pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc). A entidade já havia apresentado o novo modelo de empréstimo ao mercado e ao Banco Central (BC). A economia na primeira parcela chega a 18% e o Itaú também elevou para 82% o percentual a ser financiado, ou seja, o interessado agora precisa dar uma entrada de 18%. Segundo a associação, a nova linha anunciada torna a taxa de juros para financiamentos contratados em setembro equivalente a 5,39% ao ano.

"A decisão do Itaú Unibanco é um gesto importante para ajudar a reduzir o déficit habitacional de 7,8 milhões de moradias existente no Brasil. Temos defendido, desde o início do ano, um novo indexador para o financiamento imobiliário. A Abrainc apresentou ao Banco Central um modelo formado por spread bancário mais a remuneração da poupança. O Itaú Unibanco sai na frente após a nossa articulação. Esperamos que os demais bancos possam acompanhar a medida. Quanto menor os juros, mais brasileiros vão conseguir comprar a casa própria", afirma Luiz Antonio França, presidente da Abrainc.

Parcela do imóvel grátis em Irajá

A Cury Construtora volta a Irajá para lançar o Mérito Zona Norte, em parceria com a Vivaz Residencial. O empreendimento fica na Avenida Meriti, 4365. Serão construídas 211 unidades de 43,48 a 58,37 metros quadrados, com pavimento térreo mais 17 andares. O novo residencial terá lazer completo e unidades com ou sem vaga de garagem. Os apartamentos de um, dois ou três quartos custam a partir de R$ 219.900, ideais para famílias com renda a partir de R$ 4.500, e os interessados podem se beneficiar de subsídio de até R$ 27 mil do programa habitacional Casa Verde e Amarela. Além dos atrativos de lazer, conforto e segurança, os clientes que comprarem uma unidade vão ganhar piso laminado nos quartos e poderão usufruir do programa de fidelidade "Chega Mais", em que a cada seis parcelas mensais consecutivas pagas em dia, uma é por conta da Cury.

Comentários