Em 100 dias de gestão, governo Witzel aponta aumento de R$ 1 bilhão na arrecadação

Em três meses de administração, o governo calcula uma economia de R$ 386 milhões com corte de custos, com, por exemplo, a reavaliação e extinção de alguns contratos

Por PALOMA SAVEDRA

Governador Witzel assinou ontem decreto que reajusta o RAS
Governador Witzel assinou ontem decreto que reajusta o RAS -

O governo Witzel faz uma análise dos 100 dias de gestão do Estado do Rio de Janeiro. Nesse período, o Executivo fluminense aponta um aumento de cerca de R$ 1 bilhão na arrecadação em comparação com o mesmo período de 2018. 

Os números se devem à receita de ICMS e IPVA e aos trabalhos feitos pela equipe da Secretaria de Fazenda no combate à sonegação de impostos. A ideia do governo é passar uma mensagem de que está recuperando a confiança de investidores no estado e reaquecendo a economia - ainda que a passos lentos também por conta do cenário econômico no país.

Corte de custos

Em três meses de administração, o governo calcula uma economia de R$ 386 milhões com corte de custos, com, por exemplo, a reavaliação e extinção de alguns contratos.

Posição no Caged

O Estado do Rio, segundo os dados que serão apresentados pela equipe do Palácio Guanabara, gerou 12 mil empregos, saindo da 23ª posição para a 6ª posição no Caged.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários