Witzel volta a dizer que pode retomar pagamento do funcionalismo no 2º dia útil

Intenção é de mudar calendário de depósitos no ano que vem; declaração foi dada durante evento no Palácio Guanabara para a assinatura do quinquênio a 14 mil professores

Por PALOMA SAVEDRA

Wilson Witzel
Wilson Witzel -
No evento de assinatura do quinquênio a cerca de 14 mil professores, nesta sexta-feira, o governador Wilson Witzel voltou a dizer que tem o plano de retomar o calendário antigo de pagamentos — quando os salários eram quitados até o segundo dia útil do mês seguinte ao trabalhado. Esse era o prazo estipulado em cronograma até o fim do ano de 2015, antes da crise financeira do Rio estourar.
Witzel, no entanto, não fixou uma data para isso acontecer. E, desta vez, disse que não iria fazer promessas diante da situação delicada do caixa fluminense. Mas sinalizou que o segundo dia útil poderá voltar a ser a data de pagamento dos salários dos servidores ativos, aposentados e pensionistas no ano que vem.
"Estamos superando as dificuldades e todos estão recebendo em dia, e até antecipado. E tenho a intenção de trazer de volta (o pagamento) até o segundo dia útil", declarou o governador Witzel.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários