Estado: despesas com aposentados superaram as com ativos em 2019

Dados são do Relatório de Gestão Fiscal do Rio

Por PALOMA SAVEDRA

Gastos do governo estadual com inativos crescem a cada dia
Gastos do governo estadual com inativos crescem a cada dia -

O Estado do Rio gastou mais com aposentados e pensionistas do que com servidores ativos em 2019. Durante o ano passado, o governo fluminense pagou R$ 19.630.624.985 (incluindo a contribuição patronal) a funcionários públicos ativos, somando os comissionados. Já para inativos e beneficiários de pensão teve que desembolsar R$ 20.139.696.747.

O presidente da Frente Parlamentar de Monitoramento do Regime de Recuperação Fiscal, Renan Ferreirinha (PSB), que levantou os dados no Relatório de Gestão Fiscal do Rio, afirmou à coluna que o estado está diminuindo sua capacidade de entregar serviços públicos.

"Os aposentados cumpriram seu papel e merecem desfrutar de seus direitos. E o governo precisa trabalhar para ter uma previdência equilibrada, com receitas e despesas sob controle. Desse jeito, o Rio terá sempre menos recursos para investir. O sinal de alerta está ligado", disse. Ferreirinha defendeu ainda uma reestruturação do estado: "Precisamos debater uma reforma do estado para que ele se sustente nos próximos anos".

 

Comentários