Inea multa Transpetro em R$ 7 milhões

Infração é por vazamento de petróleo bruto de um duto em Magé. Companhia diz que foi vítima de furto de combustível

Por ANGÉLICA FERNANDES

APA Guapimirim, da Baía de Guanabara, fica em Magé
APA Guapimirim, da Baía de Guanabara, fica em Magé -

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) multou em R$ 7 milhões a Transpetro pelo vazamento de petróleo bruto de um duto localizado em Magé, na Baixada Fluminense. O auto de infração foi entregue à empresa na semana do Carnaval.

O vazamento, que ocorreu em 8 de dezembro do ano passado, atingiu o solo e área de mangue da região, além do Rio Estrela, um afluente da Baía de Guanabara.

Foram 60 mil litros de óleo vazados, que também afetaram a Área de Proteção Ambiental (APA) da Estrela e parte da Baía de Guanabara, causando a morte de animais.

Em nota, a Transpetro informou que foi notificada da multa e adotará as providências cabíveis. A companhia ressalta que foi vítima de ação criminosa de furto de combustível, colabora com as investigações e preza pela segurança das pessoas, do meio ambiente e de suas operações.

Comentários