IMS expõe obras inspiradas por crônicas do escritor Joaquim Manuel de Macedo

Instituto Moreira Sales inaugura amanhã a mostra 'Um Passeio pelo Rio', com entrada franca

Por daniela.lima

Rio - Quando se fala no escritor Joaquim Manuel de Macedo, quase sempre a primeira associação que se faz ao seu nome é a autoria do romance ‘A Moreninha’. Mas, além de romancista, ele também sabia exercer como poucos na época seu instinto observador como cronista do Rio de Janeiro, por volta de 1860.

Aquarelas mostram impressões do Rio de Janeiro no século 19%2C quando Joaquim Manuel de Macedo fazia crônicas sobre a cidadeDivulgação


Inspirado por seus textos, o Instituto Moreira Sales inaugura amanhã a mostra ‘Um Passeio pelo Rio — A Cidade nas Andanças de Joaquim Manuel de Macedo’. Os trabalhos, assinados por vários artistas, revelam como era a cidade em meados do século 19.

INSTITUTO MOREIRA SALES. Rua Marquês de São Vicente 476, Gávea (3284-7400 e 2306-2500). De ter a dom, de 11h às 20h. Visitas guiadas qui e sex, às 17h. Grátis.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia