Isadora Ribeiro em cenas de 'Diário de Bordo' - Divulgação
Isadora Ribeiro em cenas de 'Diário de Bordo'Divulgação
Por O Dia

Rio - Isadora Ribeiro volta aos palcos com o espetáculo 'Diário de Bordo', que tem texto escrito por Maria Sampaio, sua filha mais velha, e direção de Roberto Innocente. A peça estreia hoje, às 19h, no Teatro Vannucci, no Shopping da Gávea (Rua Marques de São Vicente 52, 3º andar).

"O texto é da minha filha, o que pra mim foi um presente, porque eu diminuí o meu trabalho para dar atenção às minhas filhas. E hoje, recebo esse presente da Maria. Nós já fizemos uma turnê no Paraná, em Santa Catarina, e agora estamos no Rio. Paralelamente, acabei de gravar 'República do Peru' (série), direção de Carolina Paiva. Estou muito feliz!", diz Isadora, que comemora 30 anos de carreira.

'Diário de Bordo' apresenta três das cinco crônicas publicadas pela Editora Instituto Memória de Curitiba sob o nome 'Crônicas de Viagem'. Textos literários que cruzam as histórias de três personagens (um homem, uma mulher e uma idosa), todos interpretados por Isadora Ribeiro, em viagens por lugares diferentes.

"Por ser um texto literário e poético, o desafio é a gente fazer de uma forma teatral, sendo fiel ao texto original. No início, é a história de uma senhorinha, no fim da vida, que vai para Dublin. Ela sente muita solidão, vai pra casa de uma sobrinha-neta irlandesa, e lá ela encontra uma menina de 9 anos, que tem tanta solidão quanto ela, apesar de ser uma criança", conta a atriz.

Da bucólica Irlanda para as medinas agitadas do Marrocos, até uma Nova York congelada no tempo pelas mentes que habitaram os anos 60, somos levados por suas experiências em diferentes pedaços do mundo, assim como as bagagens emocionais, dramas particulares, crises existenciais e conflitos de cada personagem. Através desses três tipos, com suas descobertas, experiências e reflexões, somos convidados a refletir também sobre nossas próprias existências.

Sempre às terças-feiras, a peça fica em cartaz até o dia 30. Ingressos a R$ 60.

Você pode gostar
Comentários