Evento reúne artistas de diversos países para debates, oficinas e apresentações teatrais - Patrick Magalhães
Evento reúne artistas de diversos países para debates, oficinas e apresentações teatraisPatrick Magalhães
Por O Dia

Rio - Visando incentivar jovens artistas brasileiros a compartilhar experiências com artistas do teatro mundial, a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) recebe de 23 a 27 de outubro, em seu campus da Praia Vermelha, a primeira etapa do NEAP FEST, o primeiro festival de intercâmbio teatral internacional do Instituto Internacional de Teatro da UNESCO.

Capitaneado pelo Coletivo Egrégora, único grupo brasileiro a ocupar o comitê Jovens Artistas Promissores (Network of Emerging Artists and Professionals - NEAP) do Instituto de Teatro Internacional (International Theater Institute – ITI / UNESCO), o evento é totalmente gratuito e conta com sete espetáculos e performances nacionais e internacionais, 10 oficinas, oito mesas de debates e duas Mostras de Cenas Curtas de artistas nacionais.

A edição tem como tema “Heranças” onde, junto ao Coletivo Egrégora, grupos estrangeiros realizarão uma imersão coletiva de trocas de experiências, enfatizando a discussão sobre o que herdamos das tradições culturais, como as transformamos e qual legado deixaremos.

“O NEAP foi criado e me convidaram para elaborar estratégias de colaboração entre as companhias participantes. Os números de jovens que vão ao teatro ainda são muito baixos, precisávamos pensar em como reformular a presença do jovem na arte – tanto o jovem artista, quanto a jovem plateia. Com isso aplicamos o tema Heranças, que não é só o que deixamos para o outro, mas o que recebemos de alguém. É importante que o mais velho incentive o mais jovem a fazer e pensar arte e, da mesma forma, celebre e prestigie os feitos dos mais jovens, para que estes prossigam. A união da classe artística intergeracional pode nos salvar da crise moral que enfrentamos no país atualmente”, reflete Jeferson Fagundes, artista brasileiro, Secretário de Colaboração e único representante da América Latina do comitê.

Almejando os profissionais das artes performativas (teatro, dança e música) e público geral, o evento evidencia a importância do incentivo à criação e investimento do mercado cultural nacional e internacional, onde o teatro se relaciona com manifestações culturais genuinamente brasileiras e outras formas de criação.

Você pode gostar