Acima, Carol e Conservani (também no alto) com a equipe do primeiro episódio de 'Expedição Brasil' - Divulgação/TV Globo
Acima, Carol e Conservani (também no alto) com a equipe do primeiro episódio de 'Expedição Brasil'Divulgação/TV Globo
Por Gabriel Sobreira

Rio - Já pensou em descer de caiaque pelo Rio Salobra, na Serra do Bodoquena (MS), ou então fazer rapel ou pular de um despenhadeiro na Serra da Canastra (MG)? E que tal encarar de frente a maior cachoeira do Rio São Francisco, a Casca Danta, com 186 metros? Então é só ligar a TV, hoje, no 'Esporte Espetacular'. Clayton Conservani e Carol Barcellos dão início à nova série de aventura do programa, a 'Expedição Brasil', que mostra em quatro episódios a dupla percorrendo o país para encarar desafios que envolvem esportes como remo, rapel, mergulho e corrida.

Na estreia, eles cruzam a Amazônia remando sobre pranchas de stand up paddle, em uma travessia de 120 quilômetros ao longo de quatro dias. Com o apoio de Américo Pinheiro, técnico da seleção brasileira de SUP; Lena Ribeiro, bicampeã brasileira da modalidade; e Pablo Cassado, atleta local, precisam enfrentar vento, chuva e animais selvagens.

"A série tem desafios bem diferentes. Mas sem dúvida a travessia na Amazônia foi a que exigiu mais de nós fisicamente. Além das etapas muito longas, com mais de 30 quilômetros, ainda enfrentamos vento forte e o risco de encontrar animais como cobras e jacarés", conta Clayton Conservani.

MAIS DESTAQUES

Além do momento de aventuras, outra novidade no 'Esporte Espetacular' fica por conta da segunda estreia do programa, a série 'Start: A Era dos Games', que aborda as influências culturais e esportivas no mundo dos jogos. Em quatro episódios, o apresentador Felipe Andreoli desafia atletas e ex-atletas em jogos virtuais de suas modalidades.

"A série está muito divertida, superconectada com esporte. Vamos levar o mundo real para o virtual. Tenho certeza de que a série vai encantar pessoas de todas as idades", diz Andreoli. A estreia reproduz o primeiro videogame da história, 'Tennis for Two', criado há 60 anos por um físico americano, e Andreoli encara Gustavo Kuerten, tricampeão de Roland Garros.

Outro destaque do programa fica por conta do segundo episódio da série 'Pequim 10', que relembra as três conquistas douradas do Brasil nos Jogos Olímpicos de 2008. A jogadora Mari (da seleção feminina de vôlei) volta à China e lembra a pressão sobre o time por causa da derrota em Atenas, quatro anos antes. Isso sem falar na vitória sobre os Estados Unidos na grande decisão. "Eu nunca tinha visto um time tão empenhado, tão concentrado em ganhar uma medalha. Viemos para levar o ouro, e a gente não tinha dúvida de que ia levar", conta Mari ao correspondente Carlos Gil.

Você pode gostar
Comentários