Yanna Lavigne - Flávio Dantas / Divulgação
Yanna LavigneFlávio Dantas / Divulgação
Por O Dia

Rio - Yanna Lavigne vai processar quem a envolveu na separação do ator José Loreto. Em entrevista ao portal UOl, o advogado da atriz, Ricardo Brajterman, revelou que ela vai entrar na justiça contra a difamação.

"Ela se sentiu injustiçada sendo colocada de forma agressiva dentro de uma fofoca que não pertence a ela. Alguns perfis com nomes parecidos chamados Loreto Safadão ficam fazendo joguetes com o nome dela pra ganhar seguidores, ganhar likes. Eles focam na questão de audiência ficam difamando nomes de pessoas de boa índole", declarou ele.

LEIA MAIS: Psicólogo avalia separação de Débora e Loreto

Bruno Gissoni, marido da atriz, resolveu se manifestar sobre o caso nesta semana. "Respeitem o próximo, estamos lidando com vidas, histórias lindas de superação, amizade e amor, que estão sendo devoradas pelo homem de forma primitiva. A mim, marido e pai, só me cabe defender e amar a minha família. Por isso, parem com essa covardia! E, aos “profissionais” que estão fazendo da vida alheia um circo de horrores, peço respeito não só à minha família, mas a todos os envolvidos. A vocês, que disseminam o ódio, saibam que a vida é um espelho", escreveu. 

Entenda o caso 

José Loreto e Débora Nascimento terminaram o casamento recentemente. A atriz Marina Ruy Barbosa, par romântico de Loreto na novela "O Sétimo Guardião", foi apontada como pivô da separação. Com isso, várias atrizes deixaram de seguir Marina nas redes sociais. Bruna Marquezine, Giovanna Ewbank, entre outras, foram algumas das colegas que deixaram de seguir a ruiva.

No entanto, Giovanna Ewbank perdeu seguidores em seu canal no YouTube e também no Instagram após se posicionar contra Marina Ruy Barbosa. Já Marina ganhou ainda mais seguidores após a polêmica.

Você pode gostar
Comentários