Sandy e Junior em nova turnê - Divulgação
Sandy e Junior em nova turnêDivulgação
Por O Dia
Rio - Quem nunca foi capaz de cometer uma loucura ou simplesmente promover uma homenagem para um grande ídolo? Relatos de fãs não faltam, principalmente, quando se trata da dupla Sandy & Junior. Desde que os irmãos anunciaram o retorno aos palcos, em março, após um hiato de doze anos, que uma mobilização tomou conta dos admiradores dos cantores, que fazem shows amanhã e sábado, na Jeunesse Arena, na Barra. Desde então, pipocaram festas temáticas pela cidade, shows cover e até gente gastando rios de dinheiro para conseguir ir a todos as apresentações da turnê 'Nossa História'.
Apaixonados por Sandy & Junior desde crianças, os cantores Lucas de Castro e Carol Farias montaram um tributo à dupla, com canções que marcaram toda uma geração. A ideia da homenagem surgiu da mãe de Carol. "A minha relação com a dupla é absurda, porque acompanho o trabalho deles desde sempre, fez parte da minha vida. Sempre digo que a Sandy foi minha primeira professora de canto. Colocava as músicas e ficava imitando ela. Já o Junior foi meu primeiro crush", brinca Carol, que tem Sandy como inspiração.
Publicidade
Carol Faria e Lucas de Castro fazem show cover - Redzone Produção / Divulgação
O projeto dos dois já percorreu por diversos lugares da cidade, e coincidentemente - ou não -  retorna amanhã, às 19h, ao palco da praça de alimentação do Shopping Nova Iguaçu, no dia da estréia da turnê Nossa História no Rio. "A gente quer atrair pessoas que não conseguiram ingresso para o show deles e querem curtir esse momento de celebração. Queremos aproveitar essa energia que eles emanam e levar alegria, amor e nostalgia para as pessoas. Tudo isso é muito necessário nesse momento em que o país está tão polarizado. Poder vibrar junto com musica e alegria é fundamental", salienta Lucas.
Publicidade
A parte mais difícil para os dois foi chegar a um denominador comum quanto ao repertório. Afinal, são quase 30 anos de carreira de Sandy & Junior, 16 discos lançados e milhões de hits. "A gente consegue sentir do palco que o público sente uma nostalgia, se abraçam e cantam juntas, conectados com esse eu criança e adolescente", conta Lucas de Castro. "Vimos que não só para os fãs, mas que eles também marcaram a vida de outras pessoas, que não fizeram parte da nossa geração"m conta.
Numa forma de preparar os fãs para os shows deste fim de semana, a festa 'Esquenta Sandy & Junior', reuniu uma galera, que cantou e dançou as músicas dos artistas a plenos pulmões. "A festa foi muito especial, porque foi feita de fã para fã. O termômetro foi o melhor possível para essa nova turnê deles. O
pessoal cantava, pulava e curtia muito", diz Felipe Abrantes, produtor de eventos e vice-presidente do fãs-clube 'Um Segredo e Um Amor', dedicado a dupla. "Minha relação é de muito amor, carinho e admiração. Eu virei fã em 1999, e nessas duas décadas eles acompanharam minha fase de transição de criança para adolescente. Comecei a viver historias que eles cantavam. E essa volta representa muito. A gente precisa desse respiro, nesse momento de um país pesado. Eles salvaram meu 2019", diz ele.
Publicidade
Nosso Esquenta - Fotos: Taty Larrubia Sandy e Junior - Taty Larrubia
Aos 33 anos, ele confessa que sofre bullying dos amigos por gostar tanto de Sandy & Junior. Fato é que ele não se incomoda e segue firme com sua paixão. "A maior loucura, na verdade, é manter um fã-clube
e ser alvo de muita chacota de pessoas. Meu sonho agora é realizar o camarim de Sandy e Junior", revela Felipe, que pretende dar continuidade às festas em homenagem a seus ídolos. "Eles nunca tiveram tanto gás como agora, mas também nunca estiveram em baixa. A turnê vai acabar e as festas vão continuar rolando. É uma historia linda que o pessoal ama reviver", diz. 
Publicidade
O mesmo acontece com a DJ Jessica Lucas, de 26 anos, que não conseguiu acompanhar os shows de Sandy & Junior quando era criança, mas agora tem feito a alegria de seu público quando coloca os hits da dupla nas pic-ups. "Era uma coisa que a gente não esperava esse retorno, fomos pegos de surpresa.  Eu sou fã deles desde pequena, desde que eu me entendo por gente, porque minha mãe já curtia eles. Engraçado que eu nem era nascida quando a dupla iniciou a carreira, mas minha mãe passou isso para mim. Finalmente vou conseguir ver um show deles, porque na época os ingressos eram muito caros para a realidade da minha família. Agora, poder pagar o show com meu próprio dinheiro e acompanhar um show deles vai ser especial", conta ela, que em festas temáticas se veste com o figurino de Sandy.  "Decidi fazer de brincadeira e acabou que deu certo. As pessoas gostaram muito e pediam pra tirar fotos. Me senti a própria Sandy", diz ela. 
Rafael Abrantes é vice-presidente de fã-clube - Taty Larrubia


Além disso, a dupla Sandy & Junior também virou tema de uma exposição no Barra Shopping. Para comemorar os 30 anos de história dos irmãos na música, o evento, que fica até o dia 13 de agosto, mostra figurinos, prêmios, instrumentos musicais, cartas de fãs e outros itens que mostram um pouco dos bastidores da história e carreira dos irmãos. "A mostra tem como proposta compartilhar momentos inéditos – e muito especiais - da trajetória da dupla. São 30 anos de história muito bem representados em cada peça. O acervo é incrivelmente rico. A movimentação tem sido ótima, cerca de duas mil pessoas têm visitado o espaço todos os dias. Ver o público emocionado com cada detalhe é um grande presente para nós", diz Fabio Moraes, Gerente Geral do BarraShopping e NewYorkCityCenter.