Moacyr Luz e Samba do Trabalhador comemoram 15 anos e lançam álbum no Circo Voador

Edição especial de uma das principais rodas de samba do Brasil terá participações de Marcelo D2, Roberta Sá, e Toninho Geraes, entre outros convidados, dia 12 de março

Por O Dia

Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador
Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador -
Rio - E lá se vão 15 anos desde que Moacyr Luz reuniu um grupo de amigos para uma roda de samba em uma segunda-feira, no Andaraí. Depois de centenas de apresentações e quilômetros rodados país afora, o Samba do Trabalhador desembarca pela primeira vez no Circo Voador, dia 12 de março. Além da comemoração de aniversário, o show marca o lançamento do álbum "Fazendo Samba" e terá participações de Marcelo D2, Roberta Sá e Toninho Geraes, entre outros convidados que ajudaram a escrever a história de uma das rodas de samba mais tradicionais do Brasil. 

Galeria de Fotos

Moacyr Luz e Samba do Trabalhador Marluci Martins
Moacyr Luz lança álbum com Samba do Trabalhador Divulgação
Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador Divulgação
Moacyr Luz divulgação
Criado há 13 anos, por Moacyr Luz, o Samba do Trabalhador lota o Clube Renascença, às segundas-feiras, e já foi há vários estados. O último DVD (foto) foi gravado em São Paulo Reprodução


No repertório da noite, além das canções do novo disco, o grupo apresentará dezenas de clássicos do gênero, que embalam as noites de segunda-feira e fizeram do Samba do Trabalhador parada obrigatória para cariocas e turistas. Lançado em janeiro deste ano, o álbum "Fazendo Samba" é o quinto disco do grupo, que também soma 3 DVDs ao vivoNo repertório da noite, além das canções do novo disco, o grupo apresentará dezenas de clássicos do gênero, que embalam as noites de segunda-feira e fizeram do Samba do Trabalhador parada obrigatória para cariocas e turistas. Lançado em janeiro deste ano, o álbum "Fazendo Samba" é o quinto disco do grupo, que também soma 3 DVDs ao vivo.

Resultado do encontro entre Moacyr Luz (voz e violão), Gabriel Cavalcante (voz e cavaquinho), Alexandre Marmita (voz e cavaquinho), Mingo Silva (voz e percussão), Nego Álvaro (voz e percussão), Luiz Augusto Guimarães (percussão), Nilson Visual (percussão),

Junior de Oliveira (percussão) e Daniel Neves (violão 7 cordas), em "Fazendo Samba" o Samba do Trabalhador traz o mesmo calor e energia que o consagraram nas apresentações ao vivo, mas com a lapidação e apuro técnico de uma gravação em estúdio.

"Depois de 15 anos juntos, chegamos a um momento de amadurecimento harmônico e do nosso pensamento musical. Posso dizer que hoje somos um só organismo. Tocamos e pulsamos juntos, o entrosamento fica mais afinado a cada vez que nos encontramos, seja no Renascença, no estúdio, palcos e terreiros pelo país" aponta Moacyr Luz, que também assina a direção artística do álbum. "A escolha do repertório se desenrolou naturalmente, reunindo canções nossas e parcerias inéditas com amigos e velhos conhecidos da música brasileira, além de quatro sucessos que já estão na boca do público, que agora ganham a nossa cara e uma pitada do que o público encontra nas nossas segundas-feiras sagradas", afirma o bamba.

Serviço:
Moacyr Luz E Samba Do Trabalhador. Circo Voador, Rua dos Arcos s/n. Data: 12/03, quinta-feira. Abertura dos portões: 21h. Classificação: 18 anos (de 14 a 17 anos somente acompanhado do responsável legal).
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários