Sítio Festa na Floresta - Divulgação
Sítio Festa na FlorestaDivulgação
Por Priscila Correia
Diversão na floresta

Para quem procura um local no meio do mato para chamar de seu, o Sitio Festa na Floresta está com day use uma vez por mês. E em fevereiro, vai acontecer no próximo dia 27, entre 14h e 18h. Em um espaço de 3000m2, os visitantes encontrarão brinquedos ( Brinquedão com mini tirolesa), piscina, pula pula, jogos, visitação aos animais, passeio de pônei e apresentações da Lekolé e de convidados especiais. E mais: dentro do local há uma infinidade de delícias para todos os gostos - como pastel, batata frita, cachorro quente, espetinhos, bolos, picolé etc - e bebidas. E uma informação importante: nesse período de pandemia, o local está trabalhando com menos de 50% da capacidade e o uso de máscaras é obrigatório. Os ingressos são individuais, limitados e vendidos somente pelo site. E comprando até o dia 15 de fevereiro, há um desconto especial. Mais informações em http://sitiofestanafloresta.com.br/
Publicidade
Carnaval com cheiro de café

Para quem quer acompanhar todo o processo de produção do grão de café pertinho, a Fazenda Alliança Agroecológica é a pedida. A visitação acontece pelo antigo circuito histórico do café, uma raridade na região. O passeio inclui o cafezal, a antiga tulha e termina com delicioso lanche com delícias produzidas na fazenda: queijo de búfala, doce de leite, frutas e, claro, café. Quem quiser ver a linda paisagem da Serra da Concórdia, aos sábados a fazenda conduz passeio até o mirante: de tirar o fôlego. Localizada em Barra do Piraí, o local tem pacote de hospedagem tipo "payout", em que a casa sede fica exclusivamente à disposição do grupo - mínimo de 3 diárias. Mais informações e reservas pelo telefone (24) 98807-6146 ou e-mail [email protected]

Conexão com a história

Outro local para fazer uma imersão na história da região e do café é a Fazenda São Luiz da Boa Sorte, em Vassouras. Com atendimento exclusivo para hóspedes neste período, a fazenda conta com atendimento de alto padrão e oferece uma experiência de retorno no tempo: ambientes que revivem os casarões do século XIX e quartos decorados com móveis de coleção. Na visitação guiada, hóspedes conhecerão o Tributo aos Escravizados, uma homenagem aos trabalhadores responsáveis por toda a riqueza daquele tempo, e o Museu do Café, que conta toda a trajetória do grão até chegar ao Brasil. Entre as opções de lazer estão a prainha de água doce, piscina aquecida, trilhas e aquela comidinha no fogão à lenha. E mais: a Fazenda São Luiz da Boa Sorte tem em sua programação prainha de água doce, piscina, atividades com recreadores, visita a fazendinha e trilha ecológica. Informações e reservas pelos telefones (21) 99250-9798 e (21) 96823-9954.

Carnaval com a natureza

Para quem quer aproveitar o fim de semana entre as flores e lindas obras inspiradas na natureza, o Uaná Etê Jardim Ecológico é o lugar. O espaço conta com mais de 22 espaços para tirar fotos e se integrar com a natureza. Entre os favoritos estão o Labirinto da Música, o Jardim das Lavandas, a Árvore das Infinitas Possibilidades e as Teias. Sentiu calor? Experimente o Oásis do Lagarto, com túnel refrescante. Ou quer ter uma vivência na quietude da noite sendo guiado pelos vagalumes? O Circuito dos Aromas é uma das novidades desse carnaval. O Uaná Etê Jardim Ecológico fica em Engenheiro Paulo de Frontin e para informações e reservas basta entrar em contato pelos telefones (24) 2468-1550 e (24) 98878-1550.

Oficina, recreação e feirinha

Nesse carnaval sem aglomerações e com protocolos de saúde seguidos à risca, Vassouras é uma excelente escolha para as famílias com crianças. E o Hotel Santa Amália, um dos mais tradicionais hotéis em Vassouras, está com programação com pensão completa, piscina aquecida e música ao vivo à noite. A programação do local inclui bailes de carnaval e oficinas, música ao vivo, recreação com programação especial e hidroginástica. E mais: aos sábados acontece a Santa Feira, que reúne diversos produtores locais que vendem desde comidinhas até itens de decoração. Para informações e reservas no Hotel Santa Amália, ligue para (24) 2471-1200 e (24) 98839-8728.

Live de Carnaval para pais e filhos

O Berço Elétrico inova mais uma vez para manter acesa a chama da maior e mais tradicional festa popular brasileira. O grupo carnavalesco vai levar a folia aos lares brasileiros de todo o país pela Internet. No dia 13 de fevereiro, a partir das 14h, acontece a live do Bloco Berço Elétrico, cuja abertura será com o desenho animado da turma. Durante duas horas, o trio elétrico estará tocando ao vivo as marchinhas tradicionais, axé music, os hits infantis e dos anos 80 e 90, para a família pular o Carnaval com segurança. E para animar ainda mais a festa caseira, o pessoal do Berço também providenciou moldes de máscaras e sugestões de adereço para download, para que todos possam confeccionar suas próprias fantasias. E um aviso importante: como neste ano não haverá a venda de abadás para arrecadar recursos para entidades assistenciais, os participantes poderão fazer doações no site do Berço Elétrico, que serão destinadas à Lalec – Lar Amor, Luz e Esperança da Criança, que acolhe jovens e menores em situação de vulnerabilidade. A Live Bloco Berço Elétrico acontecerá entre 14h às 16h. Para assistir gratuitamente, acesse www.bercoeletrico.com.br ou pelo YouTube/bercoeletrico

Avô e neto vencem a distância imposta pela pandemia

Desde os três anos de idade, Mateus costumava passar algumas tardes com seus avós, Mário Sérgio e Eliane. Para conseguir dar aquela cochilada da tarde, todos iam para a cama com a desculpa de contar histórias. Criaram, assim, uma dinâmica de que cada parte da história era contada por um deles: um começava, o seguinte emendava e o outro finalizava. Com o tempo, foram surgindo personagens, locações e uma linha narrativa mais consistente. Até que, em 2020, chegou a pandemia. Impossibilitados de manter a dinâmica, reinventaram o processo e continuaram a criar personagens e histórias, agora à distância, passando a registrar suas criações por meio de uma correspondência escrita, com bilhetes que o pai de Mateus, Luiz Guilherme, intermediava, fazendo o papel de “leva e traz”. Neste caminho, os personagens ganharam seus contornos mais definidos: Garganta, que ganhou este apelido por suas histórias fantasiosas, que sempre acabam em 10, número mítico onde tudo se soluciona pela imaginação, e seu irmão Gargantinha; Marcelinho, que não tinha um braço; o nerd Otávio; o garoto que gosta de dar socos, Nersão; Mara, a afrodescendente empoderada; o individualista Jorginho; o indiozinho Ogoido; Rafa, o maldoso; e outros bem típicos de toda turma nessa idade. E o que, até então, eram histórias contadas, passaram a ser registradas e os personagens se desenhando com mais força. Até que a avó levantou a possibilidade de serem registradas em um livro, o “Tudo acaba em 10”. Com páginas ilustradas por Pedro Caraça, a publicação está disponível nas versões português e inglês para venda no site da Editora Capella e na Amazon. O valor sugerido é de R$35,00.

Abraçar pode transformar o mundo

O distanciamento social necessário para conter o avanço do novo coronavírus fez com que o brasileiro tivesse de interromper um hábito muito comum por aqui: dar abraços. Coincidentemente, um livro recente traz como tema justamente essa calorosa demonstração de afeto. “O Melhor Abraço do Mundo - Ser Diferente Faz Parte da Natureza Humana”, da editora D'Livros, é um livro infantil que fala sobre amizade, saudades e diferenças e mostra a importância do abraço e que tem como personagens principais a brasileira Luluzinha e o português Jorge. Os dois se conhecem na escola em que frequentam em Portugal. Ela negra, ele branco, convivem também com crianças de diferentes etnias e histórias de vida, com deficiência ou não. O objetivo da escritora Luciene Balbino é mostrar como somos todos um único povo, formado por nossas diferenças e singularidades. Sem falar diretamente sobre preconceitos, ela mostra como o mundo seria melhor se as pessoas abraçassem mais a realidade do outro e respeitassem as diferentes vivências.

Sons e texturas do deserto

Reconhecer animais e experimentar sons e texturas é a proposta do lançamento “O deserto”, da Catapulta Editores. O livro integra a coleção “Toque e escute”, que conta com obras em páginas cartonadas, e oferece experiências sensitivas às crianças a partir de um ano. Como faz o avestruz? E o suricato? É possível encontrar as respostas para essas perguntas a cada virada de página do lançamento da Catapulta Editores. Sentir como é a pele e conhecer os sons dos animais presentes no deserto é a proposta do novo livro da coleção “Toque e escute”. A narrativa é apresentada às crianças em desenhos coloridos e cheio de detalhes. Os pequenos poderão usar a imaginação a cada personagem apresentado no livro, que contam com expressões faciais e interações entre si. Com outros quatro títulos – “A floresta”, “A natureza”, “A fazenda” e “Os pets” -, a coleção “Toque e escute” propõe uma experiência mista com os livros. “O deserto” tem preço sugerido de R$ 79,90. Além de ser encontrado nas principais livrarias do país, em lojas físicas e online, o título está disponível no e-commerce da editora – www.catapultalivros.com.br.

Para todas as idades

As experimentações populares que acontecem a partir do contato humano, como blocos carnavalescos e danças populares, se reinventaram durante a pandemia, assim como quem vive das manifestações para valorização da cultura popular. Pensando nisso, o projeto Vivências em Danças Populares, que acontecia presencialmente antes da Covid-19, migrou para a modalidade online, e, com apoio da lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, irá oferecer um módulo gratuito a partir de fevereiro com encontros online de Jongo, Coco e Maracatu. Todos os encontros serão terças e quintas, às 19h30, pela plataforma online Zoom. Os encontros serão com os facilitadores do projeto @vivenciasdancaspopulares Natalia Sant'Anna e Bruno Cezzá, e abordarão a poética dos ritmos populares através da dança. As vivências acontecem nos dias 16, 18, 23 e 25 de fevereiro, para participantes de todas as idades. Inscrições com vagas limitadas pelo link na bio do @vivenciasdancaspopulares

Diversão na floresta

Para quem procura um local no meio do mato para chamar de seu, o Sitio Festa na Floresta está com day use uma vez por mês. E em fevereiro, vai acontecer no próximo dia 27, entre 14h e 18h. Em um espaço de 3000m2, os visitantes encontrarão brinquedos ( Brinquedão com mini tirolesa), piscina, pula pula, jogos, visitação aos animais, passeio de pônei e apresentações da Lekolé e de convidados especiais. E mais: dentro do local há uma infinidade de delícias para todos os gostos - como pastel, batata frita, cachorro quente, espetinhos, bolos, picolé etc - e bebidas. E uma informação importante: nesse período de pandemia, o local está trabalhando com menos de 50% da capacidade e o uso de máscaras é obrigatório. Os ingressos são individuais, limitados e vendidos somente pelo site. E comprando até o dia 15 de fevereiro, há um desconto especial. Mais informações em http://sitiofestanafloresta.com.br/