Morena e caubói duelam pelo milhão e meio no 'BBB 15'

Com estratégias bem distintas nos 78 dias de confinamento, Amanda e Cézar disputam logo mais a preferência do público na final do reality

Por daniela.lima

Rio - Cézar Lima ou Amanda Djehdian? O caubói erudito ou a morena fatal? Um dos dois vai faturar hoje o milhão e meio do ‘Big Brother Brasil 15’, após 78 dias de confinamento de uma edição que — sem a interferência direta e diária de Boninho, que confiou a direção a Rodrigo Dourado — tentou voltar às origens. Se não teve tantos barracos, como no ano passado, o programa não ficou sem polêmicas. 

Amanda sobreviveu a dois paredões%3B Cézar voltou de cinco consecutivos. Caubói do Paraná é o favorito para ganhar%3B morena deve sair com R%24 150 milDivulgação


E os dois finalistas, não por acaso, colecionaram a maior parte delas. Franco favorito a vencer logo mais, Cézar Lima, o paranaense que por 11 vezes se inscreveu para entrar na casa, dividiu opiniões aqui fora: há quem jure que o isolamento e o discurso destrambelhado e empolado diante das câmeras são um papel que o rapaz se esmerou em desempenhar. Mas a imensa maioria dos telespectadores e internautas vê um sujeito acanhado e deslumbrado, mas atento às tramoias dos brothers.

Amanda foi o oposto: entregou-se ao jogo e não mediu sentimentos. Fez uma dobradinha infernal com Angélica e protagonizou com Fernando, eliminado domingo com 78% dos votos, o triângulo amoroso mais intenso da história do ‘BBB’. Pagou paixão logo que viu o produtor cultural e ensaiou um namorico no início do confinamento, mas foi trocada pela loura Aline, a quem o carioca fez juras de amor. Derrotou a rival no quarto paredão e, aos poucos, foi se reaproximando de Fernando. Agitou o edredom com ele, mas até hoje tenta extrair do ‘namorado’ palavras mais carinhosas.

Enquetes nesta segunda-feira à tarde davam vitória folgada para Cézar: algo em torno de 75%. É espiar e esperar.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia