Sem escola no Rio, Bruno Ribas não descarta presença na Sapucaí em 2014

'Por enquanto não há nada, mas estou aberto a propostas', afirma o cantor, que será intérprete da Vai-Vai

Por rafael.arantes

Rio - Ainda sem rumo no Carnaval do Rio. Esse é o panorama de Bruno Ribas atualmente. Após deixar a Unidos da Tijuca, o intérprete só acertou vínculo no desfile de São Paulo. Fechado com a Vai-Vai, o cantor admite que não está em processo de negociação com nenhuma escola de samba do Rio, no entanto, evita descartar a presença na Sapucaí em 2014.

Bruno Ribas está sem escola no Carnaval do RioRicardo Almeida / Divulgação

"Sabemos que nunca é tarde, mas por enquanto não há nada no Rio, nada previsto. Ainda estou aberto a trabalhar, mas não sei o que está acontecendo no geral. O que dá para ver é que as escolas cariocas estão bem situadas na questão do carro de som, então não há nada em processo atualmente. De outro lado, estou começando nessa nova empreitada, voltando para São Paulo. Em 2008 estive defendendo o Império de Casa Verde e, agora, num trabalho muito bom no Vai-Vai. Está sendo um processo muito bacana, em breve terá a apresentação para toda a comunidade também. Estou muito empolgado com essa fase", comentou o intérprete.

Enquanto o futuro na Sapucaí ainda segue incerto, Bruno vem direcionando seu foco para o trabalho com o grupo Setor 1. Ao lado dos também intérpretes Tinga, Luizinho Andanças, Wantuir, Gilsinho e Leonardo Bessa, o cantor não esconde a felicidade e a realização com o bom momento de trabalho no projeto.

"O trabalho com o Setor 1 está muito bacana. Estamos focando na nossa música de trabalho, que é uma grande parceria com Rildo Hora. Mas no geral, temos nossa aposta no resgate de grandes compositores, como Cartola, Candeia e Paulo da Portela. É um projeto muito legal e que está cada vez mais num caminho melhor", acrescentou.

Mesmo com a distância do Carnaval do Rio, a agenda de Bruno Ribas segue repleta de trabalhos. Semanalmente, o músico se apresenta junto ao Setor 1 na Choperia Brazooka, na Lapa. Já pelo lado solo, o cantor tem compromisso agendado no Carioca da Gema quinzenalmente, às segundas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia