Beija-Flor: Presidente das alas de comunidade ganha homenagem póstuma

'Márcio me ajudou na formação da forte comunidade que nossa agremiação hoje tem', diz Laíla

Por raphael.perucci

Rio - A noite de quinta-feira na Beija-Flor foi de homenagens e muito samba. Antes da apresentação de 13 parcerias, dentre as 33 inscritas na disputa, o presidente Farid Abrahão David e o diretor de Carnaval Laíla fizeram uma reverência a Márcio Silva dos Santos. Presidente da alas de comunidade, ele faleceu na última quarta-feira, aos 47 anos, após 10 dias de internação.

Escola fez homenagem ao presidente das alas de comunidade%2C morto na quarta Diego Mendes / Divulgação


Para Laíla, a morte do sambista, cujo corpo foi velado no ginásio da Beija-Flor e sepultado no Cemitério de Olinda, foi uma grande perda para escola. "Márcio me ajudou na formação da forte comunidade que nossa agremiação hoje tem. Me acompanhou neste trabalho por 15 anos, com muita responsabilidade", declarou.

Depois foi a vez do presidente deixar sua mensagem e demonstrar todo seu agradecimento a Márcio. "Com a sua ausência, fica uma lacuna enorme... Você foi grande. Estamos tristes, mas temos que lembrar dos momentos felizes ao seu lado, que foram muitos e jamais serão esquecidos. Obrigado por tudo".





Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia