Reforço do Império da Tijuca, Rafael Prates festeja trajetória no Carnaval

Músico será o responsável pela parte musical da Verde e Branco e mostra grande felicidade por caminhada no samba

Por rafael.arantes

Rio - O Carnaval conta com um grande destaque no lado musical. Aos 30 anos, Rafael Prates vem ganhando cada vez mais espaço no mundo da Sapucaí. O músico foi recentemente contratado pelo Império da Tijuca para desempenhar a função de diretor musical da escola, função que fará Rafael coordenar todo o carro de som da agremiação. Diante a mais uma novidade, o músico só consegue comemorar todos as novidades que vem emplacando na carreira. Rafael ainda conta com a responsabilidade de gerir um estúdio próprio.

"Fico muito feliz com tudo isso que está acontecendo comigo, me sinto muito honrado. Conseguir se considerado um pouco como referência é motivo de muito orgulho. O Carnaval é uma coisa que faz parte da minha vida e que me completa, de certa forma. Poder estar levantando esta bandeira é muito bom, além de representar uma responsabilidade muito grande. Fico feliz por ter conquistado este espaço e confiança. Agora quero dar continuidade a tudo isso que venho fazendo, em paralelo com o trabalho no meu estúdio também", comentou.

Rafael Prates será o responsável pela direção musical do Império da TijucaCarlos Eduardo Lucio / Divulgação

A caminhada de sucesso, no entanto, não é de agora. Rafael começou a se integrar com o Carnaval ainda na década de 1990 e foi depois de escutar o samba da Unidos da Tijuca de 1999 que o músico viu sua paixão pelo samba falar mais alto.

"Cara, em 1999 eu me fascinei assim que escutei o samba da Tijuca e pedi para minha mãe me levar num ensaio. Quando pude ir, fiquei encantado, olhava para o Davi do Pandeiro cantando e só sabia admirar aquilo tudo. A partir deste momento eu comecei a comer arroz, feijão e samba (risos). Passei a praticar as levadas de samba-enredo no cavaquinho em casa e só pensava em fazer isso. É engraçado que lembro da minha tia sempre falando para eu fazer outras coisas, mas não adiantava, deu samba", contou Rafael, que antes já havia traçado o início de sua vida junto à música.

"Comecei na música desde pequeno. Gostava muito e sempre escutava meus pais colocando discos para tocar lá em casa. Logo no início passei a estudar numa loja de instrumentos, no Centro, e em seguida passei a dar aula lá. Com o tempo fui me aprofundando, cheguei a fazer faculdade, ir à escola de música e até um curso extensivo depois. Tudo foi aos poucos", comentou Rafael, que participa das gravações dos CD's das escolas de samba do Grupo Especial desde 2006.

Músico cogitado entre os bambas

Não é só no mundo do Carnaval que Rafael Prates vem se destacando. O músico também já coleciona diversas participações em shows e DVD's de grandes nomes do samba. Além da participação intensa na gravação dos CD's das escolas de samba, Rafael já integrou a equipe de feras como Arlindo Cruz, Zeca Pagodinho, Dudu Nobre, Leandro Sapucay, Alcione e Jorge Aragão, entre outros. A sensação também é de orgulho, mas a relação principal é com Arlindo, o primeiro a convidar Rafael para um projeto longe da Sapucaí.

"É muito gratificante tudo isso. Todas as vezes que sou indicado a poder participar de trabalhos de pessoas tão importantes fico muito feliz. Foram diversas situações já, mas o Arlindo foi o pioneiro. É meu amigo particular, já cheguei a dar aula de cavaquinho para o filho dele. Acho que tudo isso que acontece comigo é motivo de muito orgulho e não poderia ser nada menor que isso", disse.

Rafael Prates vem se destacando no CarnavalRafael Arantes / Agência O Dia

A última grande participação de Rafael junto à sambistas é bem recente. No novo DVD de Zeca Pagodinho, o músico foi o responsável pela autoração de todas as partituras, fato que também é bastante festejado por ele: "É uma alegria atrás da outra".

Aulas disponibilizadas em DVD

Além dos projetos no Carnaval, Rafael não deixa de lado a questão de seus alunos, seja com cavaquinho, violão, banjo ou bandolim. O próximo projeto do músico fica por conta, justamente, de suas aulas. Rafael já iniciou a gravação de um DVD onde disponibilizará ensinamentos de cada instrumento, direcionado para o lado do Carnaval. O projeto, em parceria com a Liesa, ainda não tem data de lançamento, mas deve ser disponibilizado pelas quadras das agremiações e também na Cidade do Samba.

"Essa ideia do DVD surgiu depois de todos os vídeos que já cheguei a gravar para alunos. Muita gente continua querendo aula, mas com os horários complicados pensamos nesta tentativa de facilitar as coisas. Vai ser um conjunto de todas as coisas, diferenças de desfile e gravação, acentuação de notas, a levada de cada instrumento. Já mandei uma prévia para a Liga e agora estou esperando uma aprovação. Mas é muita empolgação.

Os trabalhos continuam e na trajetória de sucesso, Rafael não deixa de agradecer a alguns nomes que inspiram seu trabalho: "São muitos nomes que sempre me ajudaram. Agradeço muito ao Mario Jorge, Laila, Jorge Cardoso, Rildo Hora, Genilson Barbosa... Esses caras são alguns dos responsáveis por tudo de bom que vem acontecendo comigo", concluiu.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia