Velhas guardas das escolas de Samba poderão se tornar Patrimônio Cultural do Rio

Alerj aprovou projeto de lei sobre a homenagem, que agora segue para sanção do governador Pezão

Por O Dia

Velha guarda é homenageada em projeto na Alerj
Velha guarda é homenageada em projeto na Alerj -

Rio - A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou um projeto de lei que declara as velhas guardas das escolas de samba patrimônio cultural imaterial do estado. O projeto de autoria do deputado Waldeck Carneiro (PT) foi aprovado nesta terça-feira e agora segue para sanção do governador Luiz Fernando Pezão, que tem até 15 dias úteis para sancionar ou vetar o texto.

Waldeck Carneiro explicou, na justificativa do projeto, que a Velha Guarda de uma escola é uma espécie de "guardião" das tradições do grupo. "Os membros das velhas guardas participam ativamente da administração da escola, opinando, fiscalizando, mantendo as tradições das escolas de samba e são constantemente consultados por seus dirigentes", apontou.

Projeto é de autoria do deputado Waldeck Carneiro (PT) - LG Soares / Alerj

Galeria de Fotos

Velha guarda é homenageada em projeto na Alerj Raphael Perucci / Divulgação
Projeto é de autoria do deputado Waldeck Carneiro (PT) LG Soares / Alerj

Últimas de Carnaval