Carnaval

Na luta pelo bicampeonato, Beija-Flor faz novo desfile ousado na Sapucaí

Escola de Nilópolis voltou a abrir mão do gigantismo que a consagrou

Por O Dia

Rio - Atual campeã do Carnaval do Rio, a Beija-Flor de Nilópolis voltou a fazer um desfile ousado na Marquês de Sapucaí. Novamente sem o gigantismo que a marcou nas últimas duas décadas, a agremiação azul e branco apostou novamente nas teatralizações para conquistar mais um título.

A escola da Baixada Fluminense trouxe para a Sapucaí o enredo "Quem não viu vai ver… As fábulas do Beija-Flor". Para contar a sua história, agremiação buscou associação com histórias infantis. O desenvolvimento do desfile ficou um pouco prejudicado já que por muitas vezes as fantasias e as alegorias não era de fácil diálogo.

Ala homenageia primeiro título de escola de Nilópolis - Paloma Savedra / Agência O Dia

Novamente, a Beija-Flor apostou em pequenas alegorias, abandonando o gigantismo que por anos acabou marcando a escola da Baixada Fluminense. Os carros apresentaram alguns problemas de acabamento. Além disso, a escola teve falhas na evolução, precisando acelerar o seu ritmo no final do desfile.

Com um samba não tão qualificado, a Beija-Flor contou com mais uma boa atuação da sua bateria comandada pelos mestres Plínio e Rodney. Outro ponto positivo do desfile foi a qualidade das fantasias, com acabamento de boa qualidade.

Beija-Flor fez desfile ousado - Daniel Castelo Branco/Agência O Dia