Emanuelle Araújo discute com Regina Duarte sobre quarentena

Secretária especial da Cultura criticou o isolamento social e atriz rebateu: 'que absurdo'

Por O Dia

Emanuelle Araújo
Emanuelle Araújo -
Rio - Regina Duarte postou um longo texto nas redes sociais criticando a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) para que as pessoas fiquem em casa e façam o isolamento social para se proteger da pandemia de coronavírus. A secretária especial de Cultura disse que é "egoísmo" algumas pessoas ficarem em casa enquanto outras precisam sair para trabalhar. Indignada, a atriz Emanuelle Araújo rebateu os comentários de Regina. 
"Quer ficar em casa? Você quer ficar em casa? Tá ok! Mas você exige um frentista e posto de combustível aberto para você sair com seu carro em qualquer emergência... Você quer ficar em casa? Mas você exige o mercado aberto com atendentes, senão sem alimentos você surta! Quer ficar em casa? Mas quer que o porteiro do seu prédio e o zelador estejam trabalhando! Quer ficar em casa? Mas precisa de dinheiro e quer o bancário de plantão no banco para resolver seu problema! Quer ficar em casa? Mas tem motoristas e cobradores de ônibus trabalhando para transportar quem precisa de transporte! Quer ficar em casa? Mas o farmacêutico e balconista tem que estar lá para te servir, né?! Quer comprar pão? Padaria aberta!!! Quer ficar em casa? Claro, mas Deus o livre se o caminhoneiro parar! Em casa sim, mas com a coleta de lixo em dia pelos garis!", iniciou Regina Duarte.
A secretária especial de Cultura continuou afirmando que isolamento deve ser apenas para pessoas que fazem parte do grupo de risco. "Quer ficar em casa? A vida dos outros vale menos que a sua? Por quê? Porque eles são obrigados a trabalhar pro seu conforto mesmo num momento de crise desse, e você não? Isolamento social sim, mas para grupos de risco, claro! PRECAUÇÃO, SIM! CUIDADOS conscientes, SIM, de TODOS PARA TODOS! Brasil acima de tudo, Deus acima de todos", escreveu Regina, citando o bordão do presidente Jair Bolsonaro.
Indignada, a atriz Emanuelle Araújo deixou um comentário na postagem de Regina. "Que absurdo, Regina. Que absurdo. Em primeiro lugar deveriam estar todos em casa. E devido às exceções, existem várias campanhas para essas pessoas que você cita, que não podem parar de trabalhar, estejam protegidas pelo GOVERNO, e este mesmo GOVERNO, que incita que outros, que podem ficar em casa, vão para ruas e inclusive contaminem estas pessoas que não podem parar", disse a atriz. 
"E quem tem pai velho em casa? E quem tem criança asmática? Cardiopata? E quem divide transporte público e tem problema de imunidade? E quem vai passar pro vizinho que está no grupo de risco pelo elevador, portão, escada? E quem está na favela e o GOVERNO não está nem aí? Rezo muito para isto não se tornar uma tragédia. Porque se isto acontecer, o seu peso na consciência, de apoiar esta insanidade e ir de encontro a ciência acatada no mundo todo, pode ser irreversível. Culpa também faz adoecer. Deus te proteja", finalizou Emanuelle.
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O DiaFaça uma contribuição

Comentários