Influenciadora digital Gabriela Pugliesi   - fotos Reprodução
Influenciadora digital Gabriela Pugliesi fotos Reprodução
Por iG

São Paulo - Gabriela Pugliesi voltou para o Instagram após quase três meses longe das redes sociais. Em abril, a musa fitness desativou a conta na rede depois de ser criticada por ignorar o isolamento social e fazer uma festa durante a pandemia.

Na segunda-feira (20), Pugliesi publicou um vídeo de 12 minutos comentando sobre as reflexões que fez nesse período longe do Instagram. Nele, ela admite que errou ao fazer uma festa, "ficar bêbada e falar besteira". "Naquele dia eu estava muito feliz e esqueci do mundo. Não quero apagar esse erro e nem esperei esse tempo para ser esquecido não", desabafa.

"Naquele momento, eu perdi uma boa parte da minha paz, perdi alegria, perdi trabalho, como vocês sabem, perdi a confiança de vocês. Aqui na internet a gente passa a ser cancelado e definido por um erro", continua. 

Pugliesi segue dizendo sobre como refletiu durante esses meses longe das redes e quais foram os seus aprendizados. "Eu tô muito feliz hoje de saber que eu sou uma pessoa melhor". Veja:

Após o compartilhamento do vídeo, uma discussão voltou à tona no Twitter: Quem deveríamos estar seguindo nas redes sociais? Será que estamos dando atenção para as pessoas certas?

Para alguns, o “erro” de Pugliesi é motivo para dar unfollow e não engajar as publicações da influenciadora no Instagram. Inclusive, quando a musa foi “cancelada”, milhares de pessoas a deixaram de seguir e patrocinadores encerraram contratos. 

"Já passou da hora de entenderem que valorizar bons conteúdos na internet é também parar de seguir quem é um desserviço", afirmou uma pessoa no Twitter. "Devo ter empatia? Sei que todos tem direito de se redimir, contudo... kkkkk", completou outra.

Há ainda quem aponte que Pugliesi não tem embasamento para as dicas e orientações sobre alimentação e vida saudável que dá no Instagram. "Não sei o porquê das pessoas seguirem a Gabriela Pugliesi. Fala de dieta: não é nutricionista. Fala de exercícios físicos: não é formada em educação física", pontuou uma pessoa.

 

Por outro lado, vários usuários acreditam que é válido considerar o pedido de desculpas da influenciadora e dar uma segunda chance. "Eu acredito MUITO na evolução das pessoas diante dos erros", defendeu uma usuária. "Será que mereceu todo esse hate?", acrescentou outra pessoa.

 

Além disso, m

Muitos consideram exagerada a forma como Pugliesi foi repreendida, acreditando que ela "pagou a conta" da cultura do cancelamento sozinha. "Pugliesi errou, mas tem gente q fez/faz muitoooo pior e não recebeu 1% dos ataques que a Gabriela recebeu", falou uma defensora da influenciadora.

 

Você pode gostar
Comentários