Lecadô - FOTOS Divulgação
LecadôFOTOS Divulgação
Por O Dia

O setor de franquias voltou a registrar crescimento de redes no país depois de quedas sucessivas desde 2015. E o Rio de Janeiro é o segundo com o maior número de marcas. Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o balanço do ano passado apontou 776 redes em operação no estado, que registraram faturamento de R$ 16 bilhões: um aumento de 6,2% em relação a 2017. Os responsáveis por franquias que caíram no gosto dos moradores da Tijuca, um dos bairros que contam com polo gastronômico na capital, aproveitam o bom momento e buscam investir. O ramo de Alimentação é o mais próspero, e representou 33% da receita total das franquias do Rio em 2018.

Especializada em doces e salgados, a Lecadô surgiu na Tijuca em 1982 e decidiu ingressar este ano no sistema de franquias. A empresa firmou parceria com a consultoria GSPP, que desenhou o modelo de negócios e está cadastrando interessados em abrir filiais no Rio e em São Paulo.

Além da loja tradicional, a Lecadô aposta no modelo quiosque. A primeira unidade nesse formato será inaugurada em maio, no shopping Via Parque, na Barra. Já a primeira loja franqueada será no Américas Shopping, no Recreio, com inauguração no mesmo mês.

"Durante anos recebemos propostas de investidores querendo franquear a marca, mas só agora achamos que é o momento certo. Temos uma operação bem alinhada, produtos testados e aprovados e um conceito amadurecido. Vimos que era a hora de expandir", explica Agata Lago, gerente de marketing da Lecadô, que pretende abrir 10 lojas nos próximos dois anos.

{'nm_midia_inter_thumb1':'https://odia.ig.com.br/_midias/jpg/2019/04/24/120x80/1_44502985_738127576534888_6501859580178333696_o-10822461.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5cc0b64433811', 'cd_midia':10822493, 'ds_midia_link': 'https://odia.ig.com.br/_midias/jpg/2019/04/24/700x930/1_44502985_738127576534888_6501859580178333696_o-10822461.jpg', 'ds_midia': 'Manoel &Juaquim
', 'ds_midia_credi': 'Reproudção', 'ds_midia_titlo': 'Manoel &Juaquim
', 'cd_tetag': '61', 'cd_midia_w': '700', 'cd_midia_h': '931', 'align': 'Left'}

Na Praça Vanhargem, uma loja da franquia do restaurante Manoel & Juaquim se estabeleceu no ano passado para suprir uma lacuna com o fim da unidade que funcionou por sete anos em Vila Isabel. Segundo Abílio Fernandes, proprietário da rede, a loja foi um pedido de moradores, e tem sido bem aceita na região. "O tijucano aprovou a casa. Com a chegada do inverno, entra em cena a cachaça Manoel & Juaquim, produzida em Minas de forma artesanal e exclusiva. O morador adora", diz Abílio.

A Megamatte, que teve 6% de crescimento no primeiro bimestre deste ano, também busca expansão. Na Tijuca, são seis lojas. "O tijucano adora a marca e valoriza os itens orgânicos feitos de forma artesanal, como o mate e o açaí", diz Paulo Martins, dono de três lojas da Megamatte no bairro.

Megamatte da Rua conde de Bonfim - Divulgação

Você pode gostar
Comentários