Aguinaldo Silva ganha processo na Justiça

Ação foi movida por Antonio Nery de Luna Freire após comentário de novelista sobre ex-BBB no Twitter

Por nara.boechat

Rio - Aguinaldo Silva, através de seu advogado Sylvio Guerra, venceu a ação por danos morais movida por Antonio Nery de Luna Freire, alegando que o autor extrapolou os limites legais na qualidade de escritor e jornalista, “atingindo minha honra, meu nome e dignidade, na qualidade de advogado paraibano”. Tudo porque o novelista escreveu em seu Twitter, em março de 2010: “Gente, que falta de homem é essa? Esse (Marcelo) Dourado do ‘BBB’ não passa de um paraibazinho muito do chinfrim!” O juiz Josivaldo Félix de Oliveira, da 1ª Vara Cível de João Pessoa, julgou o processo extinto, por entender que Freire não era parte legítima para promover a ação – ele pleiteava R$ 200 mil de indenização. Perdeu a causa e ainda terá que pagar os honorários de Sylvio.

Aguinaldo Silva vence processo na JustiçaDivulgação


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia