'Império': José Alfredo nomeia Cristina como sua sucessora no comando da empresa

Com medo de não ressuscitar conforme planeja, Comendador deixa tudo planejado para que a filha assuma seu lugar

Por daniela.lima

Cristina irá assumir os negócios na 'Império'Divulgação

Rio - Com medo de não ressuscitar conforme planeja, José Alfredo (Alexandre Nero) nomeará Cristina (Leandra Leal) como sua sucessora no comando da Império das Joias. Na sequência de ‘Império’, a partir do dia 5, o Comendador chamará a filha para uma conversa. Ansiosa, ela pergunta qual o assunto. Ele diz: “Sobre aquele exame de DNA para comprovar se eu era seu pai, e que eu rasguei.” Cristina então o intimida a contar o resultado, mas J.A. insiste que tem outro assunto mais importante para falar. 

Cristina ouve José Alfredo atentamente — o conteúdo da conversa não fica claro no capítulo — , se emociona e eles se abraçam por um bom tempo. Em seguida, J.A. diz que quer que ela seja sua procuradora na empresa. A moça titubeia, insegura diante de tamanha responsabilidade e alega: “O José Pedro (Caio Blat) e a Maria Clara (Andreia Horta), eles ocupam a diretoria há anos, têm total experiência na Império.”

O Comendador justifica que a vida sofrida da moça a tarimbou para o cargo, diferentemente dos filhos, criados como príncipes. E insiste: “A filha da Eliane (Malu Galli), a filha da mulher que eu mais amei na vida, quer se tornar a todo-poderosa, a mandona absoluta da Império das Joias?” Cristina: “Nunca tive essa ambição! Mas se é em nome da minha mãe e do grande amor que vocês tiveram. E, em nome do meu pai Evaldo também, que ficaria muito orgulhoso, só posso dizer que aceito.”

José Alfredo avisa que será a própria Cristina quem contará a novidade à família dele, caso algo lhe aconteça. E, para se certificar de que ninguém atrapalhará a assinatura dos documentos que tornam Cristina sua procuradora, J.A. marca uma reunião com os filhos e Maria Marta (Lilia Cabral) na empresa.

Enquanto o aguardam, ele liga para Cristina ir à sua casa, sem que a vejam sair. Na mansão, ela assina a papelada e depois J.A. pede que volte à Império e avise aos familiares que a reunião foi cancelada. Marta esbraveja: “Não acredito! Esse tempo todo pra falar isso? Ela quer fazer a gente de palhaço?” José Pedro chega e indaga: “Posso arriscar um palpite? O comendador queria estar certo de que a gente continuava aqui esperando, enquanto ele fazia alguma coisa de muito especial e secreta.”

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia