Diretor de 'Gugu' exige nova postura do apresentador para evitar gafes ao vivo

Ensaios antecipados e oferta de prêmios em dinheiro para a plateia estão entre as mudanças implementadas por Vildomar Batista

Por roberta.campos

São Paulo - O "Programa do Gugu" mal estreou e tudo o que pode dar errado ao vivo já aconteceu: falha sonora no playback de Wanessa, bicho atacando mulher no palco e matérias anunciadas que não vão ao ar no dia marcado. Sim, é ao vivo, mas isso não significa que não dá para prever e evitar certos constrangimentos com os participantes e o público, certo? Certo.

'Programa do Gugu' passa por mudançasDivulgação

Foi por isso que Vildomar Batista, diretor do programa, desceu ao palco para colocar a casa em ordem. Além de demitir um sonoplasta e evitar pegar em animais ao vivo, Vildomar exigiu que Gugu tomasse outras atitudes, como ensaiar com a plateia antes do programa ir ao ar. Na última terça, Vildomar planejou no microfone cada momento do programa. Ele mesmo coordenou o ensaio enquanto Gugu terminava a maquiagem.

Uma adolescente ouvida pelo iG, que costuma participar de caravanas de programas de TV de diversas emissoras, afirma que os merchans, que antes eram ao vivo, passaram a ser gravados: "É verdade, até os merchans passaram a ser gravados antes, para evitar erros", diz, sobre o anúncio de ovos de páscoa com Gianne Albertoni, que parece ser ao vivo, mas não é.

Outra exigência de Vildomar Batista é que Gugu seja mais simpático com a plateia, para isso, há poucos dias, ele passou a oferecer prêmios em dinheiro. "Tem dia que ele dá cem reais para a plateia ou eletrodomésticos", explica o animador Cris, responsável por receber as caravanas do programa. E a mulherada se empolga muito nessa hora. É também nesse momento que Cris ensina todas a dançar a coreografia do "Pintinho Amarelinho". "O Gugu adora ver todas vocês animadas, dançando e cantando. Quando ele sente que a plateia está assim, ele dá presentes. Não é sempre, mas acontece" diz Cris a plateia feminina.



Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia