Folião xinga diretor da Globo ao vivo e repórter dá resposta inusitada

Durante a cobertura do Carnaval de rua do Rio, rapaz chamou Ali Kamel de nazista e se negou a dar entrevista

Por roberta.campos

Rio - O domingo de Carnaval foi de saia justa nos estúdios da GloboNews. Logo pela manhã, a repórter Cecília Flesch estava ao vivo cobrindo o bloco do Cordão do Boitatá, no Centro do Rio de Janeiro, quando foi surpreendida por um folião exaltado.

'Ihh! O pessoal não gosta de Rede Globo': Cecília Flesch recebe negativa de folião e dá resposta inusitadaReprodução

Ao questionar um rapaz que usava um véu sobre sua fantasia, a repórter ganhou uma resposta atravessada. “Ali Kamel é nazista! Não falo com a Rede Globo”, bradou o entrevistado, em referência ao diretor-geral de Jornalismo da TV Globo.

Desestabilizada com a negativa do jovem, a jornalista fez um comentário inusitado ao encerrar a externa de Carnaval. “Ihh! O pessoal não gosta de Rede Globo, daí fica um pouco difícil. Vou arrumar outros entrevistados“, finalizou Cecília.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia