Aluguel de imóvel vai subir 11,49%

Indicador é usado para corrigir a maioria dos contratos em todo o país

Por thiago.antunes

Rio - Os contratos de aluguéis de imóveis com duração de um ano e vencimento no mês de setembro terão correção de 11,49%. O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), calculado pela Fundação Getulio Vargas (FGV), registrou alta de 11,49%, nos últimos 12 meses. O indicador é usado para corrigir a maioria dos contratos em todo o país.

Em agosto, o IGP-M ficou em 0,15%, pouco abaixo do registrado em julho (0,18%).
Desta forma, um aluguel de R$ 1 mil, por exemplo, terá correção de R$ 114,90 no mês que vem, passando a R$ 1.114,90 por mês. O valor de R$ 2 mil subirá para R$ 2.229,80. 

Segundo os dados divulgados ontem pela FGV, no acumulado de 2016, a variação foi de 6,25%. O IGP-M é calculado com base nos preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 20 do mês de referência.

Já o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) registrou variação de 0,40% em agosto ante 0,29%, em julho. Das oito classes de despesas que compõem o índice, seis acusaram acréscimo nas taxas de variação. A principal contribuição foi do grupo Alimentação (0,44% para 0,66%).

Também tiveram elevação os grupos Transportes (-0,04% para 0,27%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,67% pra 0,76%), Educação, Leitura e Recreação (0,62% para 0,83%), Comunicação (0,16% para 0,39%) e Vestuário (-0,07% para 0,07%). No sentido contrário aparecem os grupos Habitação (0,13% para 0,01%) e Despesas Diversas (0,58% para 0,10%).

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia