Sucesso nas Compras: Como gastar menos

A festa "colaborativa", além de ser econômica, trás uma relação de participação estreita o relacionamento familiar

Por thiago.antunes

Rio - Em nossas vidas os "momentos" e comemorações são os registros mais importantes. Seja um aniversário, uma viagem, uma colação de grau, um casamento. É um grande presente para qualquer pessoa poder eternizar estes momentos.

Comemorar com festas ou alguma atividade especial é de grande valia e não importa a idade. Porém, quando se trata de criança, este registro pode ficar para sempre como um momento inesquecível.

Algumas dicas são importantes para não extrapolar o orçamento. Entre elas está a não terceirização da festa. Monte você mesmo a decoração ou chame alguém de casa para ajudar. A festa "colaborativa", além de ser econômica, trás uma relação de participação estreita o relacionamento familiar.

Pergunta e resposta

“Tenho um casal de filhos. Ele com 7 anos e ela com 8. Sempre fiz festas de aniversário para os dois. Este ano a situação está mais crítica, porém não quero deixar de comemorar. Você pode me dar algumas dicas para gastar menos nestas festas?" Marcia Cristina Viana, da Tijuca

Você não me passou mais detalhes sobre o mês de aniversário das crianças e se eles têm os mesmos gostos. A grande oportunidade seria fazer uma festa para os dois. Nada exagerado nem muito temático para não se direcionar para uma ou outra criança.

Outra dica é não "terceirizar" a festa. Faça você mesmo. Tente algo familiar em que parentes e amigos participem. Não é demérito familiares e amigos mais íntimos colaborarem com um doce, um salgado, um bolo, decoração, etc. Assim você economiza , se aproxima mais dos filhos e , com certeza, exercita sua criatividade.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia