Estado do Rio tem mais de 5 mil vagas de emprego. Confira como disputar uma chance

Há oportunidades para todos os níveis de escolaridade em agências do governo e de Recursos Humanos

Por MARTHA IMENES e MARINA CARDOSO

A Quadra da escola de samba Arranco do Engenho de Dentro terá duas edições de feirão esta semana
A Quadra da escola de samba Arranco do Engenho de Dentro terá duas edições de feirão esta semana -
Rio - Após fazer uma série de reportagens para dar uma força a quem está em busca de uma recolocação no mercado de trabalho - foram dicas como necessidade de atualização profissional, cuidados com as redes sociais, de se portar na entrevista, preparação de currículo, entre outras orientações de especialistas -, O DIA começa a semana mostrando que há mais de 5 mil oportunidades de emprego e 133 de estágios no Rio, entre agências de recrutamento, feirões e secretarias do estado e da prefeitura. Há vagas para diferentes níveis de escolaridade e pessoas com deficiência.
A Luandre Soluções em Recursos Humanos, por exemplo, oferece cerca de 850 chances, como auxiliar de manutenção, analística jurídico, enfermeiro, advogado, médico plantonista. A média salarial vai de R$ 1 mil a R$ 8 mil, dependendo do nível de escolaridade. A inscrição pode ser feita pela internet no site www.luandre.com.br.
Já a Comunidade Católica Gerando Vidas promove três ações de emprego esta semana. Serão mais de 1,7 mil oportunidades. Os feirões ocorrerão no Sindicato de Telefonia do Rio de Janeiro (Sinttel-Rio), no Maracanã, e na quadra da escola de samba do Arranco, no Engenho de Dentro, na Zona Norte. Todas as ações começam a partir das 10h.
Hoje, no Sinttel, são oferecidas 310 vagas. As maioria são para auxiliar de loja, ajudante de armazém e balconista. Amanhã e sexta-feira, serão 610 e 790 vagas de emprego, respectivamente, na quadra da escola de samba.
Paulo Vasconcelos, organizador da ação de emprego, destaca dois pontos importantes sobre o evento. "A primeira é a oportunidade do candidato poder falar diretamente com o empregador, ou seja, a possibilidade de 'vender' suas qualidades para a conquista da oportunidade de trabalho", afirma Vasconcelos.
Já a segunda é a pluralidade das oportunidades de trabalho. "Caso o candidato não esteja no perfil mínimo solicitado, nossos voluntários podem identificar uma outra oportunidade em aberto e mais adequada", explica.
É importante destacar que na feira de emprego, os trabalhadores são atendidos por ordem de chegada e é feito mediante distribuição de senha.
O programa Geração Estágio da Oi abriu inscrições para 131 vagas de diversas áreas da companhia no Rio, sendo 122 para o Ensino Superior e nove para técnico. Para participar do processo seletivo do Programa de Estágio Oi 2019 - Superior, os candidatos devem estar cursando a partir do 5° período, com previsão de formatura entre dezembro de 2020 a dezembro de 2021.
Inscrição para estágio
Os candidatos podem se inscrever por Facebook (https://www.facebook.com/Programa-de-Estágio-Oi-2019-2255535434516155/) e pelo site https://99jobs.cc/estagiooi2019.
O cadastro vai até 18 de agosto, e os participantes passarão por testes online, dinâmica de grupo e entrevista com o gestor da área na fase final. Os selecionados começam atividades em outubro e receberão bolsa-auxílio compatível com o mercado, aparelho celular com plano Oi Colaborador, vale-transporte e vale-alimentação.


Estado e prefeitura dão chances
Secretarias ligadas aos governos estadual e municipal estão com 2.532 vagas abertas. Na Prefeitura do Rio, por exemplo, são 715 oportunidades, deste total, sendo que 508 são para pessoas com deficiência. Para se candidatar, é preciso comparecer a um dos Centros Municipais de Trabalho e Emprego com identidade, CPF, carteira de trabalho e PIS para buscar o encaminhamento e, se estiver dentro do perfil, seguir para a entrevista.
Entre as vagas oferecidas estão deposista, frentista, operador de caixa, repositor, serralheiro, assistente de departamento pessoal, auxiliar administrativo, consultor de vendas, fiscal de loja, entre outras. Há chances para quem tem necessidades especiais e reabilitados do INSS.
Os centros ficam em Campo Grande (Rua Barcelos Domingos 162), Méier (Rua 24 de Maio 931), Centro (Ciad), que fica na Avenida Presidente Vargas 1.997 (Atendimentos exclusivos a PCD), Ilha do Governador (Estrada do Dendê 2.080), Providência (Rua da América 81), Guadalupe (Rua Luiz Coutinho Cavalcanti 576), Santa Cruz (Rua Lopes Moura 58) e Tijuca (Rua Camaragibe 25).
Já no estado, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais anunciou 1.817 oportunidade de trabalho com carteira assinada esta semana.
Na capital, de 140 oportunidades, 50 são para operador de telemarketing ativo. Na Região Metropolitana, há 30 vagas em Queimados, todas para vendedor porta a porta. Há vagas também para o interior.
As inscrições podem ser feitas nos postos do Sine-RJ (http://www.servicos.blog.br/postos-do-sine/postos-de-atendimento-do-sini-em-rio-de-janeiro/).


Dá para procurar sem sair de casa

Além da possibilidade de buscar oportunidades nos postos Sine-RJ, há outros meios disponíveis para procurar postos de trabalho sem preciso sair de casa para concorrer às chances. Poupando deslocamento e gastos, o interessado pode acessar o Portal Emprega Brasil (https://empregabrasil.mte.gov.br/). Lá, os desempregados têm a oportunidade de concorrer às vagas oferecidas, conforme o perfil profissional.
Para se inscrever o pretendente deve se cadastrar no portal. Para isso é preciso informar dados pessoais, por exemplo, CPF, nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado de nascimento.
As informações serão validadas nas bases de dados do governo federal. Em seguida, a pessoa será direcionada para um questionário com cinco perguntas sobre informações da vida profissional e previdenciária.
Após responder, receberá uma senha temporária que precisará ser trocada no primeiro acesso ao site Emprega Brasil. Caso tenha dificuldade em responder as perguntas, é necessário aguardar 24 horas para uma nova tentativa ou entrar em contato com a central 135, que funciona de segunda a sábado das 7h às 22h.
 
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários