É possível aprovar reforma tributária ainda este ano, diz Meirelles

Nesta quarta-feira, secretários estaduais definiram pontos sobre a proposta para encaminhar ao Congresso

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Henrique Meireles, secretário de Fazenda de São Paulo em seu governo
Henrique Meireles, secretário de Fazenda de São Paulo em seu governo -
Brasília - O secretário de Fazenda de São Paulo, Henrique Meirelles, afirmou que é possível aprovar uma reforma tributária no Congresso Nacional ainda neste ano. Nesta quarta-feira, secretários estaduais definiram pontos sobre a proposta para encaminhar aos parlamentares.

"Hoje avançamos muito, talvez o passo mais importante, mais decisivo para a reforma tributária tenha sido hoje", comentou o secretário, afirmando acreditar na aprovação de uma proposta ainda em 2019.


Ele classificou a reforma tributária com a participação dos Estados como "absolutamente fundamental" justificando que grande parte das distorções no sistema tributária atual se dão exatamente nos impostos estaduais, como o ICMS.

"O mais importante é que os Estados entenderam isso e estão de acordo. Hoje não existe aqui nenhum desacordo, ninguém que discorda de se fazer a reforma que vá alterar, simplificar e consolidar os impostos estaduais e acabar com a guerra fiscal", comentou Meirelles.



Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários