Rio perdeu 5,9 mil empregos em agosto

Setor que mais fechou postos de trabalho no município foi o de Serviços (6.580)

Por O Dia

Setor de Comércio registrou a abertura de 2.108 oportunidades em 12 meses
Setor de Comércio registrou a abertura de 2.108 oportunidades em 12 meses -
Rio - O desemprego continua assombrando o Município do Rio. A cidade registrou saldo negativo de 5.951 vagas de empregos em agosto, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados ontem pelo Ministério da Economia. O setor que mais perdeu postos de trabalho no Rio foi o de Serviços (-6.580) seguido pelo setor industrial (-2.145). Já o setor de Comércio registrou a abertura de 2.108 oportunidades em 12 meses.
O Município do Rio vai na contramão dos números nacionais. De acordo com o Caged, foram criados 121.387 empregos formais em agosto, o melhor resultado para o mês desde 2013. O dado superou o desempenho do mesmo mês do ano passado, quando houve abertura de 110.431 postos de trabalho no país.
O saldo de agosto decorre de 1,382 milhão de admissões e 1,261 milhão de demissões. O resultado positivo no mês foi puxado pelo setor de serviços, que gerou 61.730 postos formais, principalmente nos segmentos de ensino e administração de imóveis.
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários