Mais Lidas

Mulheres brasileiras assumem de vez os cacheados e crespos

Exposição aposta em produtos que valorizam cabelos naturais, em alta no mercado

Por leandro.eiro

Rio - Assumir os fios cacheados e crespos tem sido uma tendência entre as mulheres, que cada vez mais buscam a valorização da autoestima feminina e discutem a importância de quebrar antigos estereótipos de beleza. Aderido por celebridades como Thais Araújo, o movimento que tem feito a cabeça do público feminino nunca esteve tão em alta, também, na indústria de beleza. Essa, aliás, vai ser uma das tendências da segunda edição da Expo Rio Belleza, que começou ontem e vai até 31 de maio no Shopping Grande Rio, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

Segunda edição da Expo Rio Belleza começou ontem e vai até 31 de maio no Shopping Grande Rio%2C em São João de Meriti%2C na BaixadaDivulgação

Após anos de reinado absoluto da chapinha e do alisamento, os cachos voltaram a brilhar. Apesar da crise econômica no país, cresce o número de consumidores brasileiros em busca de produtos que valorizem os cabelos naturais, como cacheados e crespos. Conforme dados da empresa de pesquisa Euromonitor, os produtos para alisamento e relaxamento cairão de R$ 1 bilhão para R$ 628 milhões em 2020 na América Latina. Mas as vendas de produto para tratamento de cabelos devem saltar 21,2%, passando de R$ 19,4 bilhões para R$ 23,58 bilhões.

De olho nessa mudança de comportamento do público consumidor, os fabricantes têm apostado na produção de itens especializados para atender a nova demanda. “Havia no mercado uma carência de produtos específicos para cabelos cacheados e crespos. Hoje, temos nas prateleiras da nossa loja produtos exclusivos para esses cabelos de grande aceitação do público”, diz Edson Bregolato, gestor da Rio Belleza, loja especializada em cosmética que organiza o evento no Shopping Grande Rio.

Público certo

A Rio Belleza estima que cerca de 70% do seu faturamento em produtos para cabelos venham do comércio de itens de beleza para cabelos crespo ou cacheado. Pesquisas feitas pelo setor, aliás, apontam que mais de 50% da população feminina no Brasil possuem cabelos ondulados ou crespos, colaborando com o crescimento dessa nova tendência. “Valorizamos e buscamos contribuir da nossa forma com o empoderamento feminino e sentir que estamos incluídos neste momento de valorização da beleza natural é bastante motivador”, argumenta Bregolato.

Tendências

A Expo RioBelleza contará ao longo dos dias com palestras e dicas diversas de cuidados com a beleza. Estão previstas como ações também a aplicação gratuita, sorteios, entre outras iniciativas.

Segundo pesquisa da Euromonitor, produtos para alisamento e relaxamento cairão de R$ 1 bilhão para R$ 628 milhões em 2020 na América Latina. Mas as vendas de produto para tratamento estão em crescimento. A Rio Belleza estima que 70% do seu faturamento em produtos para cabelos venham de itens de beleza para cabelos crespo ou cacheado.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia