Mais Lidas

Após debate, Ciro Gomes é procurado por oficial de Justiça por ação movida por Doria

Atual candidato ao governo de São Paulo moveu ação contra presidenciável por ter sido chamado de 'farsante'. Ciro teria reafirmado sua opinião sobre Doria

Por O Dia

Ciro Gomes (PDT)
Ciro Gomes (PDT) -

São Paulo - O candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, se queixou da Rede Globo na sala de imprensa após o último debate presidencial antes do primeiro turno, que aconteceu na noite desta quinta-feira na emissora.

Tudo aconteceu porque, segundo Ciro Gomes, um oficial de justiça foi autorizado a entrar em seu camarim para notificá-lo sobre uma ação movida por João Doria, atual candidato ao governo de São Paulo, por ter sido chamado de “farsante” pelo presidenciável.

Como Ciro não foi para o camarim cedido pela emissora ao final do debate, o oficial de justiça se encaminhou para a sala de imprensa, onde começou a ler a notificação. O documento determinava que o candidato fosse citado dentro dos estúdios Globo.

Apoiadores do candidato começaram a tentar formar um cordão de isolamento e a levar para longe o oficial, que acabou não conseguindo entregar o documento. O presidenciável deu uma declaração sobre o assunto e afirmou: “Nunca mais piso nesse lugar (Globo)”.

Ciro teria reafirmado sua posição em relação à Doria, alegando que o chamou mesmo de farsante porque o candidato ao governo de São Paulo, ao seu ver, é mesmo um corrupto. Ele ainda teria apontado o risco de emboscada política da essa ação, já que seus adversários poderiam ter se aproveitado dessa situação.

Ciro ainda teria alegado que Doria conseguiu que uma juíza mandasse o oficial de Justiça à uma hora da manhã e a Globo o deixou entrar, para o notificar de uma ação movida por Doria.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia