TRE-RJ realiza sorteio das urnas que serão auditadas nas eleições

'Tudo está sendo conduzido em clima de normalidade e tranquilidade', afirma o desembargador Carlos Eduardo da Fonseca

Por Gabriel Sobreira

TRE-RJ realizou sorteio das urnas na manhã deste sábado
TRE-RJ realizou sorteio das urnas na manhã deste sábado -

Rio - Na véspera da eleição, o TRE-RJ realizou na manhã deste sábado, em sua sede, o sorteio das cinco urnas que serão utilizadas no processo conhecido como Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas, que antigamente era chamado de votação paralela. Esse é um dos mecanismos criados pela Justiça Federal, que seleciona aleatoriamente os equipamentos que seriam usados na votação de domingo para serem retirados de seus locais de origem e levadas sob a escolta da Polícia Federal para Centro Cultura da Justiça Eleitoral, no Centro do Rio, para processo de auditoria, amanhã, na mesma hora da votação oficial.

“Tudo está sendo conduzido em clima de normalidade e tranquilidade. A cidade está limpa e a propaganda está controlando os abusos, que são poucos. Por outro lado, na internet, as decisões judiciais são cumpridas integral e rapidamente em questões de horas. Estou absolutamente tranquilo. As eleições vão ocorrer em clima de segurança e normalidade como tem acontecido até agora”, afirma o desembargador Carlos Eduardo da Fonseca, presidente do TRE-RJ.

TRE-RJ realizou sorteio das urnas que serão auditadas, na manhã deste sábado - Severino Silva / Agência O Dia

As seções que tiverem suas urnas sorteadas na Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas terão os juízes eleitorais comunicados para que possam outros equipamentos de reserva e assim os eleitores das zonas não serão afetados.

Pela primeira vez, foram também sorteadas dez urnas para o procedimento de Auditoria da Urna na Seção Eleitoral. Essa é uma novidade que tem como objetivo verificar a autenticidade e integridade dos softwares instalados nas urnas. Serão auditadas por partidos políticos, coligações, MP e OAB no próprio local onde estão as urnas uma hora antes da eleição.

O processo consiste em checagem do lacre da urna, verificação se os programas instalações nela são os mesmos que foram lacrados pelo TSE e verificação das assinaturas dos programas no equipamento.

Sobre a lisura das eleições, a diretora geral do TRE-RJ, Adriana Brandão, é categórica. “A Justiça eleitoral tem convicção de que esse processo é seguro e que não tem qualquer opção de fraude, desde os testes públicos, processos, sistemas. Tudo é acompanhado e auditado pela OAB, MP, partidos políticos e comunidade”, atesta.

Galeria de Fotos

TRE-RJ realizou sorteio das urnas na manhã deste sábado Severino Silva / Agência O Dia
TRE-RJ realizou sorteio das urnas que serão auditadas, na manhã deste sábado Severino Silva / Agência O Dia