Equipe do DIA flagra eleitores fazendo boca de urna na Baixada Fluminense - Agência O Dia
Equipe do DIA flagra eleitores fazendo boca de urna na Baixada FluminenseAgência O Dia
Por RAFAEL NASCIMENTO

Rio - Uma equipe do DIA percorreu, na manhã deste domingo, a Baixada Fluminense, e flagrou eleitores fazendo boca de urna em frente à zona eleitoral. A região tem quatro municípios com os maiores colégios eleitorais: Duque de Caxias, Nova Iguaçu, São João de Meriti e Belford Roxo.

Em Duque de Caxias, a reportagem esteve em um dos principais locais de votação da cidade. Na faculdade Unigranrio, que fica no Centro, o clima era de aparente tranquilidade sem pessoas fazendo boca de urna ou possíveis irregularidades. O que se viu foram pessoas com adesivos de seus candidatos fazendo uma manifestação silenciosa, o que é permitido pela Justiça Eleitoral.

Equipe do DIA flagra eleitores fazendo boca de urna na Baixada Fluminense - Agência O Dia

No entanto, em frente à Escola Municipal Nísia Vilela Fernandes, no Parque Fluminense, em Duque de Caxias, pessoas faziam boca descaradamente perto de guardas municipais. No local, santinhos foram despejados pelas ruas.

Já no Lote XV, em Belford Roxo, o que se via eram panfletos de candidatos espalhados nas ruas da cidade. Panfletos com os números da candidata Daniela do Waguinho, mulher do prefeito da cidade, eram os mais vistos espalhadas pelas vias da cidade. Uma eleitora foi flagrada pela reportagem fazendo boca de urna nas proximidades de uma zona eleitoral.

Equipe não vê policiamento

Durante o trajeto entre as cidades, a reportagem não notou a presença da Polícia Militar. De ponta a ponta da Avenida Presidente Kennedy — via que liga Caxias a Belford Roxo — não se observou nenhuma viatura da corporação.

Em Duque de Caxias,  634.781 pessoas estão aptas a votar neste domingo. Já em Nova Iguaçu, 588.473 eleitores podem ir às urnas e votarem. Em São João de Meriti, a sexta cidade com o maior número de votantes, 367.388 munícipes estão aptos a exercer o voto. Belford Roxo o oitavo maior colégio eleitoral do estado tem 331.087 eleitores inscritos.

Irregularidades podem ser denunciadas 

No Rio de Janeiro, os eleitores tem à disposição um canal on-line para informar crimes eleitorais. No aplicativo Emergência RJ, qual qualquer cidadão pode registrar denúncias, que são, em seguida, encaminhadas ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado.

O usuário deve instalar o aplicativo, disponível para os sistemas Android e IOS. Após a instalação, é necessário efetuar um cadastro. No entanto, o relato chega às autoridades sem que a identidade seja revelada.

Ocorrências relacionadas à compra de votos, boca de urna, casos em que eleitores são impedidos de votar ou tentativas de voto duplicado em favor de algum candidato podem ser denunciadas no Emergência RJ.

 

Você pode gostar