Candidato à Prefeitura do Rio pelo PSL, Luiz Lima, após andar de BRT - Divulgação
Candidato à Prefeitura do Rio pelo PSL, Luiz Lima, após andar de BRTDivulgação
Por O Dia
Rio - Em seu tempo no Horário Eleitoral Gratuito desta terça-feira à tarde, o candidato Luiz Lima (PSL) desferiu críticas aos candidatos à prefeitura do Rio que têm mais índices nas pesquisas. Afirmou que Eduardo Paes (DEM), Marcelo Crivella (Republicanos) e Martha Rocha (PDT) estavam "irreconhecíveis". Disse que Eduardo Paes nem parecia o "nervosinho" de outros tempos (e ainda exibiu o vídeo em que o candidato dizia a uma moradora que ganhara um apartamento que ela iria "trepar muito nesse quartinho"), e falou sobre relações de Crivella e Martha com políticos como os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, além do ex-governador Sergio Cabral.

Eduardo Paes (DEM) repetiu o vídeo em que se classifica como um "bom gestor" e alguém que sabe montar sua equipe, além de transmitir a fala de um morador de Bangu que informa que o ex-prefeito e candidato "era visto constantemente" na região e "representa o povo do Rio" e de mostrar feitos de suas administrações anteriores. Martha Rocha abordou a importância da economia levantada pela cultura. "Vou dinamizar o setor, que terá papel de destaque na retomada econômica do Rio", contou. Crivella exibiu novamente o vídeo em que aparece ao lado da mulher, e em que afirma estar "insatisfeito" com sua própria gestão e orando pelo Rio.