Candidata à Prefeitura do Rio pelo PDT, Martha Rocha, em campanha - Samuel Barcellos
Candidata à Prefeitura do Rio pelo PDT, Martha Rocha, em campanhaSamuel Barcellos
Por O Dia
A candidata à Prefeitura do Rio pelo PDT, Martha Rocha, defendeu, nesta quinta-feira, que a alimentação escolar é a maior garantia para que alunos da rede pública municipal, que muitas vezes dependem da merenda para ter segurança alimentar, não sofram o risco de passarem fome.
Segundo a candidata, com a suspensão das aulas presenciais nas escolas da rede devido à pandemia, muitas famílias tiveram dificuldades de garantir alimento para os filhos. Durante visita ao Morro do Borel, Martha parou diante do Ciep Doutor Antoine Magarinos Torres Filho, onde voltou a defender o retorno do conceito dos Cieps, conforme o projeto de Darcy Ribeiro e de Leonel Brizola.
Publicidade
"Durante a pandemia ficou muito clara a diferença entre os alunos da rede pública e da rede privada. Embora a prefeitura tenha se comprometido em garantir a alimentação dos seus alunos, para muitos o cartão alimentação não chegou. E, como muitos pais ficaram sem emprego ou renda durante os primeiros meses da pandemia, as famílias voltaram a conviver com a insegurança alimentar, com a fome", afirmou a delegada.
De acordo com a candidata, com o projeto dos Cieps, os alunos voltam para casa depois de um dia de atividades e com pelo menos três refeições.
Publicidade
"Eu sou do partido de Leonel Brizola, que deixou o governo do estado na década de 90, com 506 Cieps em todo o estado. Destes, 99 na cidade do Rio de Janeiro. Lamentavelmente, boa parte dos Cieps da cidade não estão funcionando em horário integral. Nosso primeiro projeto e o mais importante é a retomada do horário em tempo integral, com educação de qualidade, com cultura, com esportes e também com atendimento médico e odontológico", afirmou Martha Rocha.
Segundo a delegada, a questão da saúde nas escolas tornou-se ainda mais importante em função da Covid19. "A pandemia ainda não foi embora. Então ter uma atenção à saúde dos nossos alunos tem que ser um compromisso efetivo de quem vai sentar na cadeira da prefeitura", garantiu Martha.
Publicidade
 
Depois Martha Rocha e seu vice, o produtor Anderson Quack, andaram pelas ruas de Pilares, onde conversaram com as pessoas sobre os problemas do bairro.
Publicidade
"Vamos ter uma gestão assim, sempre próxima das pessoas. Porque tem candidato que só anda na rua em época de eleição. Depois some e vai até morar fora do país, quando perde", disse a candidata.