Por O Dia
O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro desmentiu, neste sábado (28), boatos sobre uma eventual suspensão do resultado das eleições no município de Queimados. De acordo com os boatos, a decisão teria decorrido da iniciativa do Tribunal de investigar supostas fraudes no processo eletrônico de votação. Em nota, o TRE-RJ afirmou que repudia a desinformação e garantiu a legitimidade do processo eleitoral nos 92 municípios do Estado do Rio de Janeiro.

Em razão do julgamento da candidatura a prefeito do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), houve a alteração, na quinta-feira (26), da situação jurídica do candidato. Ele estava “indeferido com recurso” e passou para a situação “deferido”. Entretanto, não houve a retotalização dos votos, devido a formalidades exigidas no artigo 216 e seguintes da Resolução TSE 23.611/2019.
Publicidade

Com a alteração e sem a retotalização necessária, o resultado final no município de Queimados deixou de aparecer, provisoriamente, no sistema de divulgação dos dados, no site do Tribunal Superior Eleitoral. Tão logo seja realizada a retotalização, o resultado final da eleição estará imediatamente disponível no sistema. Assim, o TRE-RJ reitera não haver, ao menos no momento, ação judicial em curso no município de Queimados que ameace anular as eleições locais.
O mesmo vale para a situação dos vereadores de Queimados, que também alterou sem retotalizar.