Por fabio.klotz

Espanha - Uma noite histórica para o Atlético de Madrid. Atuando na casa do maior rival, o Colchonero começou atrás, mas virou a partida e se sagrou campeão da Copa do Rei, após 14 anos sem vencer o Real. A conquista teve tempero brasileiro. Diego Costa e Miranda marcaram os gols do Atlético. Cristiano Ronaldo, que depois acabou expulso, fez o gol dos donos da casa.

Diego Costa marcou o primeiro golEfe

A partida começou equilibrada, com um leve domínio do Real. Os merengues sairam na frente após um escanteio. Özil mandou a bola na cabeça de Cristiano, que deslocou Courtois com maestria e abriu o placar. O Atlético empatou ainda na primeira etapa. Falcao García fez bela jogada e serviu Douglas Costa, que bateu firme, sem chances de defesa para Diego López.

A segunda etapa foi bem tensa, com as duas equipes buscando o gol, mas devido ao equilíbrio das defesas a partida seguiu para a prorrogação. O gol do título do Atlético saiu apenas aos oito minutos da segunda etapa da prorrogação. Miranda subiu mais que a zaga do Real e definiu para o time visitante.

A derrota marca um provável fim da era José Mourinho nos Blancos. O português deve sair ao fim da temporada e, pela primeira vez, termina a temporada sem uma grande taça pelo Real, tendo ganho a própria Copa do Rei e o Campeonato Espanhol nos últimos anos.

Você pode gostar