Villarreal perde atleta de dez anos, morto a facadas pelo próprio pai

Após provocar também a morte da mão do garoto, o homem de 53 anos se suicidou ao se atirar do alto do prédio em que morava

Por rafael.arantes

Espanha - Uma grande tragédia abalou o futebol espanhol nesta segunda-feira. Atleta das categorias de base do Villarreal, o jovem Jorge Monzonís, de apenas dez anos, foi morto a facadas pelo próprio pai na região de Andaluzia, na Espanha. Porém, a violência não vitimou apenas o garoto, mas também sua mãe, assassinada da mesma maneira. Após provocar duas mortes, o homem de 53 anos se suicidou ao se atirar do alto do prédio em que morava.

Em comunicado oficial, o Villarreal lamentou a morte do atleta e declarou executar o simbólico minuto de silêncio antes das partidas do clube, seja em qual categoria for. O estádio El Madrigal, palco das partidas profissionais do Submarino Amarelo , pregará o respeitoso ato nesta quinta-feira, quando os comandados de Marcelino García Toral recebem o Getafe, às 17 horas (de Brasília), em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Espanhol.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia