Por rodrigo.hang

Inglaterra - O Arsenal anunciou sua nova fonecedora de material esportivo nesta segunda-feira. Na confeccção dos uniformes do time, a Puma vai substituir a concorrente Nike. Os Gunners e a empresa alemã fizeram o maior acordo da história das duas instituições, de acordo com informações fornecidas por ambas as partes à imprensa internacional. A parceria passa a valer a partir de 1º de julho, quando o clube inglês inicia sua preparação para a temporada 2014-2015, e se estenderá pelos próximos cinco anos. A Puma vai desembolsar 150 milhões de libras, aproximadamente R$600 milhões. 

Em entrevista ao site oficial do Arsenal, o chefe-executivo do clube londrino, Ivan Gazidis, mostrou animação com a nova empreitada: "Estamos entusiasmados com esta parceria. A Puma é uma empresa cujo patrimônio e histórico de inovação têm forte afinidade com os nossos. Isso representa mais um importante passo à frente na evolução do Arsenal dentro e fora de campo", comentou o dirigente.

Diretores de Puma e Arsenal selam acordo que vai render R$600 milhões ao clube inglêsReprodução

Bjoern Gulden, chefe-executivo da Puma, também em declaração ao site oficial dos Gunners, mostrou que o interesse da empresa alemã não é de agora e exaltou a importância do acerto: "O Arsenal tem sido um ponto estratégico da Puma há algum tempo. Entramos em uma nova era na história da nossa companhia e a assinatura com o Arsenal representa uma grande oportunidade comercial e de marketing para a Puma reforçar sua credibilidade no mercado mundial", afirmou Gulden.

o Arsenal passa a ser o principal clube patrocinado pela Puma. Na Inglaterra, a empresa alemã também é a fornecedora do Newcastle e de outros dez clubes. Fora da Terra da Rainha, patrocina os tradicionais Borussia Dortmund e Peñarol. No Brasil, é o material esportivo do Botafogo, Goiás, Paysandu e acertou recentemente com o Atlético Mineiro. A Puma também patrocina 19 seleções. As principais são: Camarões, Chile, Costa do Marim, República Tcheca, além das campeãs mundial Itália e Uruguai.

O Arsenal deixa a Nike após 20 anos com a empresa americana. A Adidas e a Umbro também já foram as fornecedoras oficiais dos Gunners.

Você pode gostar