Com americano melhor, Royler Gracie e Eddie Bravo empatam em revanche histórica

Veteranos fizeram a super-luta do Metamoris 3

Por victor.abreu

Estados Unidos - Quando o americano Eddie Bravo finalizou, com um triângulo, a lenda do jiu-jitsu, Royler Gracie, no ADCC de 2003, em São Paulo, muitos classificaram a derrota do brasileiro como uma das maiores zebras do mundo das lutas agarradas.

Eddie conviveu 11 anos com o estigma de ter tido apenas 'um dia de sorte', no Brasil. Até que os promotores do evento Metamoris, resolveram marcar, em sua terceira edição, neste último sábado, em Los Angeles, um tira-teima entre os dois lutadores.

O resultado final da revanche foi um empate, em um combate de 20 minutos, onde só haveria um vencedor em caso de finalização.

A luta foi bem movimentada, com boas raspagens e passagens de guarda para ambos os lados. Eddie Bravo levou ligeira vantagem por ter tentados mais finalizações. Assista a luta completa no vídeo abaixo.



Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia