Icasa consegue liminar contra Figueirense e pode jogar Série A em 2014

Clube pernambucano alega escalação irregular do Figueira na Série B de 2013

Por pedro.logato

Figueirense pode perder lugar na Série ADivulgação

Rio - Uma nova polêmica envolvendo a disputa do Brasileirão 2014 se iniciou nesta terça-feira. O Icasa conseguiu por meio da juíza Erica de Paula Rodrigues da Cunha, da 4ª Vara Cível da Barra da Tijuca, uma liminar obrigando que a CBF coloque o clube pernambucano na Série A da competição neste ano.

A equipe, que terminou na 5º colocação a Série B do ano passado, alega que o rival Figueirense (quarto lugar no campeonato e classificado para a Primeira Divisão) teria escalado o atleta Luan Niedzielski de forma irregular na partida contra o América-MG, no dia 28 de maio de 2013. Na ocasião, o time catarinense ganhou de 4 a 2. O jogador não teria vínculo com o time catarinense, e seu contrato de trabalho pertenceria ao clube CA Metropolitano.

De acordo com a decisão, a CBF tem 24 horas para adicionar o Icasa na tabela do torneio e reorganizar o calendário de jogos. Caso a descumpra, a entidade terá de pagar R$ 100 mil de multa por dia. A entidade pode recorrer da decisão. Segundo o Icasa, na época do ocorrido, o STJD foi notificado e avisou à CBF, mas os autos foram arquivados.

A juíza Erica de Paula Rodrigues da Cunha já designou uma nova audiência entre as partes para o dia 31 de julho. A Federação Cearense de Futebol também é ré no processo. Lembrando que o Figueirense é o primeiro adversário do Fluminense no Brasileirão de 2014. As equipes se enfrentam neste sábado no Maracanã.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia