Privilegiadas, meninas que trabalham na Granja têm acesso aos jogadores

Elas tiveram o privilégio de tirar fotos com os atletas da Seleção Brasileira

Por bernardo.argento

Rio - Diariamente, centenas de pessoas tentam, em vão, algum contato com os jogadores da Seleção. Porém, dentro da fortaleza da Granja Comary, quatro belas privilegiadas pedem autógrafos, posam para fotos com os ídolos e tiram onda nas redes sociais.


Não que a vida delas seja tranquila, já que trabalham duro, sempre distribuindo muita simpatia. Mas a rotina das beldades é de causar inveja. A modelo Bianca Correa, 22 anos; as universitárias Bruna Nunes, 20; e Bianca Rangel, 19; e a fotógrafa Gabriela Soares, 20, são um colírio para os olhos nos estandes dos patrocinadores.

Meninas que trabalham nos estandes dos patrocinadores da CBF tiveram o privilégio de tirar fotos com os jogadores da Seleção Brasileira.André Mourão / Agência O Dia

Logo na segunda-feira, quando a Seleção chegou, os jogadores visitaram o local. Neymar e Fred mediram força no videogame do quiosque onde Bianca Rangel dá plantão. Ao ver o camisa 10 tomando baile do atacante tricolor, a bela de cabelos loiros não perdeu tempo. Foi o gancho para ela fazer contato com o ídolo, o que teria deixado Felipe Costa, seu namorado, enciumado, embora ele negue qualquer dor de cotovelo.

“Falei para o Neymar que ele ainda não tinha feito gol. Ele disse que ia fazer um pra mim. Contei pro meu namorado. Ele ficou com ciúmes”, disse Bianca, que, ao ser perguntada se o gol seria na Copa, respondeu: “Não! Só no videogame, senão a Bruna (Marquezine) me mata”.

Bruna Nunes também tietou os jogadores, embora tenha preferido encontrar o jornalista Zeca Camargo da TV Globo. “Quando o vi, fiquei tremendo toda”, revelou.

O que impressionou Bianca Corrêa foi o tamanho dos atletas: “O Hulk é muito pequeno. Eu pensava que fosse enorme. O Bernard teve que ficar na ponta do pé para falar comigo. É um chaveirinho. Já o David Luiz é muito gente boa. As fotos estão fazendo sucesso. As pessoas me pedem camisa, autógrafo... Acham que nós podemos tudo.”

Felipão decide poupar o capitão

O capitão da seleção brasileira está fora do amistoso com o Panamá, na terça-feira, em Goiânia. O zagueiro, que atuou entre os reservas no treino coletivo de ontem, vem fazendo um trabalho para equilibrar e nivelar as duas pernas e ficará na Granja Comary. No entanto, ele deve atuar normalmente contra a Sérvia, sexta-feira, em São Paulo.

Em campo, o treino foi muito disputado, com jogadas fortes. Nenhuma falta foi marcada e a bola só parou quando Bernard e Paulinho se machucaram em um pisão do volante do Tottenham. Os titulares levaram a melhor e venceram por 2 a 0, gols de Oscar e Neymar.

Hulk foi o destaque da atividade. Ele se movimentou muito, fez a jogada do primeiro gol e, no segundo tempo, quando cedeu o lugar a Willian entre os titulares, equilibrou o coletivo. Paulinho comentou o lance com Bernard: “<CW0>Foi uma torcida no tornozelo. Mas está bem. Os treinos são assim, fortes, com contato. Até vi ontem (sexta-feira) o David dizer que, se não tiver contato, joga tênis.”

A previsão é que Paulinho treine normalmente hoje, assim como Bernard, que saiu mais cedo da atividade para tratar o tornozelo com gelo. Felipão deve fazer mais um treino para definir se Dante ou Henrique será o substituto de Thiago Silva.

Cobranças de pênalti assustam

Pela primeira vez, os jogadores treinaram cobranças de faltas e pênaltis. A seleção brasileira mostrou ter boas opções para as batidas perto da área. Oscar, Neymar e David Luiz deram muito trabalho a Julio Cesar.

Porém, nos pênaltis, o aproveitamento foi ruim: 64,2% em 28 cobranças. Fred foi muito mal e errou quatro pênaltis de cinco. O melhor foi David Luiz, que bateu dois e marcou. Jefferson e Victor brilharam e cada um pegou três pênaltis. Mas quem deu show foi Neymar. Em sua última cobrança, ele fingiu que ia bater com um pé, bateu com o outro e deixou Victor apenas rindo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia