Xavi anuncia que não vai mais defender a seleção espanhola

Jogador, no entanto, continua no Barcelona. Pela Espanha, venceu a Copa do Mundo de 2010 e duas Eurocopas

Por bernardo.argento

Espanha - Xavi não vai mais defender a seleção espanhola. A informação foi dada durante uma entrevista coletiva em Barcelona. O jogador relembrou as conquistas que viveu na Espanha e ressaltou que a partir deste momento será mais um torcedor da Fúria.

"Essa é a minha escolha. O meu tempo (com a seleção espanhola) acabou. Agradeço a todos da Federação, foram momentos maravilhosos para mim defender a Espanha por tantos anos e ter tantas conquistas. Tenho muito orgulho e desejo-lhes tudo de melhor. A partir de agora eu sou um fã mais", disse.

Xavi não vai mais defender a EspanhaDivulgação

O meia revelou que Vicente Del Bosque, comandante da seleção espanhola, já sabe da sua decisão. Ele ainda disse que se não fosse pelo treinador, sequer teria disputado a Copa do Mundo do Brasil.

"O Vicente del Bosque já sabe que eu não sigo. Após a Euro de 2012, pensei que era o momento de me retirar. Ele (Vicente del Bosque), no entanto, insistiu para que eu seguisse até o Brasil, o que acabou sendo decepcionante", disse o jogador, que foi saiu do time titular durante o torneio e viu a Espanha ser eliminada na primeira fase.

Atuando pela Fúria, Xavi conquistou os títulos da Copa do Mundo de 2010, na África da Sul, e das Eurocopas de 2008, na Austria e na Suíça, e da 2012, que teve como sede a Polônia e a Ucrânia. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia