Em jogo marcado por brigas, Brasil Sub-20 vence a Argentina por 2 a 1

Seleção brasileira enfrentará o time do Levante, da Espanha, na final do Torneio Internacional de COTIF

Por edsel.britto

Espanha - Era apenas um jogo de um torneio sub-20, mas o clássico entre Brasil e Argentina, nesta segunda-feira, relembrou a rivalidade histórica entre os dois países. A seleção brasileira conseguiu vencer os Hermanos por 2 a 1, e enfrentará o Levante, na final do Torneio Internacional de COTIF, na quarta-feira, às 17h, em Valência.

O Brasil saiu na frente ainda no primeiro tempo com um gol do zagueiro Igor Rabello, jogador do Botafogo. Após o gol brasileiro, o jogo esquentou e os argentinos começaram a abusar das entradas mais ríspidas. Aos 7 minutos, Sánchez deu uma entrada dura em um jogador brasileiro e a confusão começou. Os jogadores do banco da Argentina invadiram o campo e os atletas começaram a trocar empurrões e tentativas de soco. No meio do tumulto, o juiz puniu Sánchez com cartão amarelo e expulso somente o atacante brasileiro Gabriel.

Brasil venceu por 2 a 1 a Argentina em jogo com muitas entradas duras e confusõesDivulgação

Ainda no primeiro tempo, Sánchez deu outra entrada dura e igualou o número de jogadores em campo. No entanto, a Argentina conseguiu chegar ao empate no final da primeira etapa. Compagnucci fez bela jogada pela esquerda e serviu Difranco que só empurrou para o gol.

No segundo tempo, o Brasil voltou melhor para o jogo e comandou as ações. Aos 23, Danilo fez linda jogada pelo meio driblando dois marcadores e tocando por cobertura na saída do goleiro hermano. Aos 27, Rolon abusou da violência e foi mais um jogador a ser expulso. Apesar do clima tenso instaurado no jogo, os atletas acalmaram os nervos até o fim da partida e o Brasil conseguiu garantir a classificação à final. Na quarta-feira, a seleção brasileira enfrenta o Levante, às 17h.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia