STJD pune Petros com seis meses de suspensão por agressão a árbitro

Jogador recebeu pena do tribunal, mas Timão pode recorrer

Por pedro.logato

Rio - O meia do Corinthians, Petros foi punido pelo STJD por seis meses, em sessão do tribunal nesta segunda-feira por uma suposta agressão ao árbitro Raphael Claus, no jogo do Timão contra o Santos, na Vila Belmiro, na décima quarta rodada do Brasileirão. O jogador foi condenado por três votos a um na audiência. O Corinthians ainda pode recorrer para que o jogador passe por outro julgamento. Além dele, foram julgados e absolvidos o Santos e o zagueiro Alison por incidentes no clássico.

Petros foi suspenso por seis mesesDivulgação

Com João Zanforlin como advogado, o Corinthians tentou desqualificar o meia do artigo 254 do artigo desportivo, que fala em agressão física, para o artigo 258: agir de forma contrária à ética desportiva. Apenas o auditor Washington Rodrigues concordou com a modificação e puniu o jogador por quatro jogos, os demais votaram na punição por 180 dias. O relator Felipe Bevilacqua iniciou a condenação do atleta.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Brasileiro

"Vi a imagem um monte de vezes, tenho dificuldade em aplicar o artigo da agressão, tento preservar ao máximo os atletas. Mas não consegui me convencer que não tenha sido proposital", afirmou, votando na pena de 180 dias. Acompanharam o relador, os auditores Douglas Blaichman e Paulo Valed.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia